Os Impostores

Os Impostores




Resenhas - Os Impostores - A Garota do Cemitério #1


39 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Guibauer 28/07/2020

Interessante
Achei a história bem interessante e envolvente, peguei para ler de forma despretensiosa pelo kindle unlimited e só depois descobri que a versão física é em cores, mas ler uma versão em preto e branco não atrapalhou em nada. Fiquei realmente envolvido e curioso para saber mais sobre a vida e história da personagem principal. Espero que os próximos volumes também sejam lançados no Brasil.
comentários(0)comente



Júlia 24/01/2019

Não entendi o hype
A história começa de forma intrigante e nos faz querer descobrir o que aconteceu com Calexa. Mas a partir de um ponto tudo se torna um pouco repetitivo, parace que a história nao se desenvolve de forma fácil. Tinha potencial, ainda mais conhecendo outras histórias da Charlaine, essa infelizmente deixou a desejar.
comentários(0)comente



Alle Fay 17/01/2019

Ótimo
O livro é ótimo!
O enredo e o traçado são ótimos, leva o leitor a ler de forma rápida e interativa.
O que me decepcionou é descobrir que não saiu o terceiro, uma vez que se trata de uma trilogia.

comentários(0)comente



Cris 20/11/2018

Adorei :)
“É tão estranho, as coisas que eu sei, mas não consigo me lembrar de como sei.”

Calexa acordou em um cemitério. Abandonada, ferida e assustada. Este nem é o verdadeiro nome dela. Ela simplesmente esqueceu tudo o que lhe aconteceu, até mesmo seu próprio nome.
Então, resolveu adotar um nome que viu em uma das lápides.

Calexa não tem pra onde ir e nem pra quem pedir ajuda, e ela tem medo de que quem a machucou possa estar procurando por ela para matá-la. A partir daí, ela se esconde no cemitério e resolve morar por lá, escondida entre os túmulos e contando com a ajuda inesperada de algumas pessoas que surgem na história.

Um dia, seu sossego é perturbado quando ela vê um grupo de jovens em um ritual de magia negra. Ela vê coisas horríveis e esse acontecimento abala a sua vida.

Fazia tempo que eu não lia uma Graphic novel e eu adorei esta história. A história é bem sombria e eu li super rápido. Adorei a protagonista, me simpatizei por ela e fiquei curiosa pra descobrir o que aconteceu de verdade com ela.

A história faz parte da série “A garota do cemitério”, e é o primeiro livro. Eu fiquei muito curiosa pra ler as sequências, porque tem muita coisa não revelada neste primeiro volume. Espero que a Editora Valentina lance os próximos volumes em breve :D


site: http://instagram.com/li_numlivro
comentários(0)comente



Jaque @blogmalucadoslivros 22/10/2018

A garota do cemitério - Série Os impostores #Livro 1
Já faz um bom tempo que eu não leio nenhuma Hq, então quando a editora Valentina anunciou que “Garota do cemitério” estaria disponível no Kindle Unlimited não pensei duas vezes e fui correndo ler.

A HQ traz a história de uma garota que foi largada em um cemitério por pensarem que ela estava morta. Mas Calexa, acorda sem saber nada do seu passado, e principalmente sem saber o porquê alguém tentaria matá-la. A partir disto ela resolve se esconder no cemitério, adotou o nome de Calexa e passou a roubar a vizinhança e o zelador do cemitério para se manter viva escondida.

Vivendo no cemitério ela acaba descobrindo um dom inimaginável: Ela pode ver a alma se desprendendo do corpo das pessoas que morrem. Um certo dia, Calexa acaba presenciando um grupo de jovens praticando magia negra, que acaba fazendo uma vítima.

O espírito da garota morta acaba entrando no corpo de Calexa, e isso faz com que ela passe a ter memórias da garota misturadas com a sua. O objetivo de Calexa desde o início era ficar escondida até descobrir quem era e o motivo que levou alguém a tentar matá-la, mas agora ela terá que decidir entre ficar escondida ou arriscar ser descoberta, mas fazer justiça a morte da garota no ritual.

A garota do cemitério é o primeiro Hq da série Os impostores, e cumpre aquilo que promete: introduzir o leitor na história de Calexa e nos incentivar a ficar curiosos com a continuação. A narrativa foi muito bem construída e a ambientação é bem sombria, já que grande parte da história se passa em um cemitério e por Calexa não saber nada do seu futuro e além disso descobrir que tem um dom sobrenatural.

Eu li A garota do cemitério de uma vez só. Calexa é uma personagem cativante e toda história que se passa com ela é muito instigante e bem desenvolvida, por isso foi muito dificil não devorar esta Hq e ficar curiosa pela continuação!

site: http://www.malucadoslivros.com/2018/10/resenha-garota-do-cemiterio-livro-1.html
comentários(0)comente



Tamirez | @resenhandosonhos 07/08/2018

A Garota do Cemitério
Já fazia um bom tempo que eu não lia nada da Charlaine Harris depois da sua série da Sookie Stackhouse, que originou o seriado de tv True Blood. Ela também fez parte do meu momento de ler sobre vampiros, que também se encerrou já faz uns bons anos. Porém, não sabia que ela se aventurava também nas HQs e quando a Valentina anunciou o lançamento dessa história em colaboração com os outros autores fiquei curiosa e fui pesquisar sobre a temática.

Em um primeiro olhar a história pode parecer um suspense a ser solucionado, mas logo alguns elementos sobrenaturais são envolvidos e a trama realmente mostra qual caminho quer seguir. O arco principal é descobrir quem a tal garota é e porque alguém tentou matá-la. Conforme as páginas passam e ela procura nos jornais da cidade por notícias do seu desaparecimento também nos perguntamos porque ninguém está procurando por ela.

A personagem se ajusta rapidamente a sua nova realidade e tenta se manter positiva ao fato de estar viva, mesmo que morar em um cemitério e roubar não seja algo que ela desejasse. No meio do caminho alguns possíveis aliados vão aparecer, assim como problemas.

O começo da história me pareceu um pouco apressado e ela se repete em vários momentos sobre se sentir mal em fazer aquelas coisas. Porém, enquanto seu estabelecimento no cemitério parece rápido, outras coisas demoram a se moldar e vemos um certo tempo passar até que um confronto seja realmente estabelecido. Não sei se essa paz de espírito de sentar e aguardar compreenderia um comportamento real – eu certamente seria mais ousada -, mas resolvi relevar essas coisas e mergulhar na história.

Como todas as HQs que peguei até agora a leitura é super rápida e dentre as coisas que já li essa tem uma temática diferente, o que vem a acrescentar ainda mais pra mim que sou novata nesse tipo de leitura. O traço também é diferenciado, já que os quadros são retratados de forma mais “desleixada”, retratando detalhes apenas quando há um close ou destaque em algo específico. As cores pendem para os tons frios com muito azul escuro, verde, preto e também tons pasteis de marrom que se intercalam em momentos específicos.

Ao contrário de alguns títulos que já pequei, essa HQ tem uma história que se desenvolve aqui e chega a uma conclusão, deixando apenas a trama central e de fundo em aberto para seguir se desenvolvendo nos próximos volumes. Isso é um ponto positivo, pois acabo por me chatear quando a história é cortada no meio parecendo sem planejamento, apenas pra fisgar o leitor num primeiro volume de forma pouco estrutural.

E, independente de quem for, Calexa parece ser uma boa garota e vemos isso através de suas ações. Pode ser que nos surpreendamos no futuro, mas por enquanto sua identidade é o mistério que fica para dar continuidade a essa história.

Pra um primeiro volume A Garota do Cemitério cumpre bem o seu papel e apresenta uma história intrigante e concisa, sabendo encerrar no momento certo para criar tensão para a continuação, sem frustrar o leitor. Charlaine Harris que já tinha um lugar no meu coração por seus vampiros clássico-modernos, ganhou mais uma estrelinha ao lado do nome.

site: http://resenhandosonhos.com/garota-do-cemiterio-charlaine-harris-christopher-golden-don-kramer/http://resenhandosonhos.com/garota-do-cemiterio-charlaine-harris-christopher-golden-don-kramer/
comentários(0)comente



Minha Velha Estante 25/06/2018

Resenha da Adriana Medeiros
E nessa nova onda de HQs quem vem sendo lançada aqui no Brasil, a Valentina não poderia ficar de fora, né? Hoje vamos falar de A Garota do Cemitério, primeiro HQ lançada pela Valentina e primeiro livro da trilogia Os Impostores, dos autores Charlaine Harris (da série cheia de vampiros As Crônicas de Sookie Stackhouse) e Christopher Golden (que escreveu quadrinho de Buffy e Hellboy). Respaldo tem!!!


O livro conta a história de uma garota que é jogada em uma cova no cemitério. Mas quando ela acorda não se lembra de como foi parar lá e nem sequer de quem ela é ou o seu próprio nome. A única coisa de que ela tem plena certeza é de que alguém a quer morta, baseado nos flashes que ela tem de vez em quando.


Vivendo no cemitério, escondida de todos e sem saber quem é, nossa protagonista acaba escolhendo um nome com a ajuda das lápides: Calexa Rose Dunhill passa a ser a sua nova identidade.

Mas a vida de Calexa não é só tranquilidade no cemitério. Ela precisa fazer pequenos furtos para sobreviver. E o zelador é um dos seus alvos favoritos, apesar de não se sentir confortável com a situação e prometer que um dia vai devolver tudo o que precisou pegar.


A vida de Calexa começa a se enrolar novamente quando ela assiste um ritual feito por alguns jovens no cemitério, que acaba com a morte trágica de um deles. A partir daí ela percebe que tem a habilidade de falar com espíritos e de viver suas memórias.


Adorei o traço sombrio da história e das suas ilustrações, foi realmente um trabalho em conjunto que deu super certo. Don Kramer conseguiu transmitir a característica de cada um dos escritores e o seu talento nos seus quadrinhos.


A história é extremamente interessante e flui rapidamente, e já vou avisando: nem todas as respostas serão dadas! Lembrem-se de que é uma trilogia, e ainda tem muito mais por vir!

site: http://www.minhavelhaestante.com.br/2017/03/leitura-da-drica-garota-do-cemiterio.html
comentários(0)comente



dayukie 07/06/2018

"Senti falta de algumas coisas, como por exemplo, mais sobre os assassinos da moça. Motivo fútil matar a moça, talvez os assassinos fossem doentes? Influenciáveis? Faltou um esclarecimento maior sobre a motivação dos jovens serem assim. Da mesma forma que, apesar de ser o primeiro livro, não nos ajudou em nada a compreender o que realmente aconteceu com “Calexa”. É um quebra-cabeça sem pista nenhuma e isso acabou ficando em falta.
A HQ em si está maravilhosa. A capa é linda, com o toque sombrio que combina perfeitamente com o cemitério, além da ilustração estar totalmente combinando com a história. Um toque sombrio, mas com cores forte, o ilustrador não precisou abusar de nada, nem nos traços ou nas cores para tornar o HQ bem realista.
Como eu disse lá em cima, vale a pena a leitura. É uma HQ legal, apesar de faltar coisas, mas que te instiga a querer ler o próximo para compreender e desvendar o mistério de “Calexa” e o seu dom."

Resenha completa no blog.

site: https://goo.gl/ti3qXS
comentários(0)comente



Arca Literária 11/01/2018

RESENHA DISPONIVEL A PARTIR DO DIA 03/04/2018 NO LINK http://www.arcaliteraria.com.br/a-garota-do-cemiterio-charlaine-harris/

site: http://www.arcaliteraria.com.br/a-garota-do-cemiterio-charlaine-harris/
comentários(0)comente



ELB 18/11/2017

E lá volto eu com a saga dos HQ's.
Devo recordar que comecei a ler quadrinhos há pouco tempo, então ainda estou me adaptando a estrutura e proposta de cada autor.

Quando a Valentina divulgou esse em particular, eu chorei aqui, porque é lindo demais, além do fato de ter a Charlaine, famosa por True Blood e Christopher Golden, que só fez Buffy e Sons of Anarchy. Só isso.

A história começa com o corpo de uma menina sendo despejado de um carro em um cemitério. Considerada morta, ela é apenas descartada lá. Mas, não estava realmente morta, talvez possa ter morrido por alguns segundos, e ainda continua na terra dos vivos. Sem saber seu nome, ou qualquer coisa relacionada à sua vida anterior, ela se vê obrigada a residir no cemitério por medo de que pessoa que tentou matá-la concluísse o serviço.

Calexa Rose Dunhill, nome que ela tirou de uma lápide, passa os dias vagando pelo cemitério, e invadindo a casa de duas pessoas em particular - o cara que cuida do cemitério, e uma senhora idosa que mora logo atrás dos muros do cemitério. Nessas suas visitas, além de roubar comida, ela passa a coletar jornais para conseguir descobrir se tem alguém a procurando, se ela é alguma daquelas meninas desaparecidas nos jornais. Mas não consegue achar nada sobre seu desaparecimento.

Sem muito o que fazer, ela começa a ir nos velórios dentro do cemitério e descobre que pode ver a alma das pessoas deixando o corpo. Uma habilidade que ela não sabia que tinha..

Um noite, acaba presenciando um grupo de adolescentes, fazendo um ritual macabro. Depois de um tempo, esse mesmo grupo volta ao cemitério, mas havia um membro a menos, e a líder do grupo quer fazer um ritual para ressuscitar esse menino, usando sua irmã como uma oferenda. Assistindo a tudo, ela não consegue impedir a morte da menina e acaba sendo testemunha de um assassinato.

Porém, mais bizarro do que isso, ela acaba por ver o espirito dessa menina que, em vez de seguir seu caminho como todos as almas que ela vê, essa em especial entra em seu corpo e, consequentemente, Calexa passa a ter algumas memórias da menina misturadas com as suas, que passam a surgir em sua mente vazia. Agora, ela precisa decidir se fará a justiça para a pobre menina assassinada, arriscando ser descoberta como viva pelo seu assassino.



Como disse no começo, eu estava muito ansiosa por esse livro. E não foi bem o que eu esperava.

Como uma série de livros, entendo que nem tudo se é revelado no primeiro. Mas, alguma coisa precisa ser. E nesse começo de história ficou tudo muito perdido. Achei que caberia algumas informações a mais, ou mesmo, pistas que instiguem os leitores à teorias para os próximos livros; esse é um tipo de quadrinho que considero "espiral" porque começa do nada, dá muitas voltas e chega a lugar nenhum.

Alguns pontos da histórias, foram um pouco fora do normal para mim, assim como o comportamento dos personagens. Achei bem surreal a motivação dos assassinos, além de não termos quase nenhuma informação sobre eles.

Talvez pelo fato de, em algumas partes, os desenhos serem tão explicativos que não carecia de falas, uma parte da emoção do livro ficou perdida para mim, com a sensação de estar acabando e eu não ter as informações necessárias. Senti como se estivesse lendo o capítulo um de um livro ou assistindo o episódio piloto de uma série.

As cores combinam bem com a história, têm um toque mais sombrio, mais escuro, por se tratar de um cemitério. Embora as vezes isso tire um pouca da percepção dos detalhes que estão nos storyboards. É como se em alguns momentos onde as cenas são ampliadas ou a personagem principal é desenhada de um outro ângulo, os traços mudassem tanto que nem parece a mesma personagem. Já as partes sem a a narração/escrita, apenas com as imagens, se encaixam perfeitamente.

A edição está belíssima, com uma impressão de alta qualidade, o que atrai para a leitura.

É com esse mix de sentimentos contraditórios que chego a ideia de que o HQ merece uma nota próxima a 3,25, pois tem um plot com muito potencial, que me faz querer ler próximo, mas que precisa ter mais coisas resolvidas e um tempo maior gasto em razões pelas quais os personagens tomam determinadas decisões. Espero que nos próximos a história seja melhor desenvolvida.

site: http://www.everylittlebook.com.br/2017/06/resenha-os-impostores-charlaine-harris.html
comentários(0)comente



Mandy 07/09/2017

A Garota do Cemitério (Livro 1: Os Impostores) - Charlaine Harris e Christopher Golden
Eu adoro HQs e quando vi que a editora iria lançar a primeira HQ do catálogo deles fiquei muito animada, e mais ainda em ter a chance de ler essa história incrível. O enredo da HQ é cheio de mistérios, a trama principal envolve a garota do cemitério, Calexa, que se vê sem memórias e num lugar completamente desconhecido, ela passa então a viver ali e a fazer alguns amigos, que vão ser de grande ajuda para ela com o passar da história e seu passado ainda obscuro pela falta de lembranças; Calexa vive uma vida de medos e segredos, sem saber onde procurar por seu passado e o porque foi deixada ali a própria sorte. E uma trama secundária que vai se desenrolar juntamente com a história de Calexa, e ajudá-la de alguma forma com seu passado.

Achei muito interessante a forma como a trama principal e a secundária caminharam juntas ao longo da HQ, o clima de mistério envolvendo ambas as histórias e os personagens, que são bem construídos, tanto personagens principais e os secundários, alguns realmente sombrios e que compõem muito bem todo o mistério da historia. Conforme vamos descobrindo pequenas pistas do passado de Calex, vamos ansiando por mais sobre sua história e as circunstâncias que levaram ela até esse lugar, e no final ficamos completamente presos a narrativa e sedentos pelo segundo volume, onde vamos poder conhecer mais sobre os personagens e suas histórias e acompanhar suas aventuras.

O traço das ilustrações que ficou com por conta de Don Kramer é incrível, forte e marcante, um tanto sombrio e bem realista, que dá o toque a mais em toda a narrativa, com cores bem marcadas que vão de tons azuis à tons mais amarelados, mas que mesmo assim, mantém um ar de mistério em todas as páginas.

Tenho que dizer que é incrível que a Editora Valentina esteja apostando em publicar HQs, o trabalho da edição ficou lindo e dá para notar o cuidado deles com essa nova aposta, recomendo essa HQ tanto por sua história que é envolvente e muito bem escrita, quanto pela edição que está linda demais.

site: http://www.tudoquemotiva.com/2017/02/a-garota-do-cemiterio-livro-1-os.html
comentários(0)comente



Jess 31/08/2017

"Alguém tentou me matar. Isso é triste e assustador. Quem fez isso é alguém ligado a mim. Um amigo. Minha família, talvez. Eu sinto isso. Eu deveria ir à polícia, mas eles me levariam para casa. Não posso me arriscar. Se quem me jogou aqui descobrir que estou viva, meu palpite é que vai querer terminar o serviço. Até eu recuperar a memória, este pode ser o único lugar no mundo seguro para mim. Aqui com os mortos. Mas o que devo fazer enquanto isso?"

Calexa Rose Dunhill é o nome que ela adotou inspirada numa lápide. A garota que agora vive no cemitério acordou ferida e sem lembrança de quem é e quem a jogou ali pra morrer. Ela não quer pedir ajuda, então permanece ali. Sobreviver até ter respostas.

A primeira história em quadrinhos da Valentina é o livro 1 de uma trilogia. Os traços são lindos e a história envolvente. Daqueles que você pega pra ler e logo termina já querendo o próximo. (No YouTube tem um book trailer bem bacana)

A garota no cemitério possui mistério, mortes, rituais, espíritos e magia. Por ser o primeiro volume, não temos respostas sobre a garota misteriosa, mas descobrimos algumas habilidades (ou dons?) e acompanhamos uma história de amizade, confiança e segredos. Afinal, é melhor Calexa permanecer viva e escondida ou sair em busca de ajuda e justiça?

"Há um lugar oco dentro de você, um ponto morto. Aquele quarto vazio dentro de você é uma casa assombrada. E eu sou o fantasma."

site: www.instagram.com/saymybook
comentários(0)comente



Aline Marques 21/08/2017

Misteriosos impostores [IG @ousejalivros]
E se todos que te conhecem pensassem que você está morto? Ou melhor, desejassem.
Afinal, você saiu de um porta malas direto para o cemitério.

Assim começa a história da protagonista sem nome, que luta contra o desespero de não lembrar nada sobre si mesma, mas que não consegue ficar indiferente aos valores que um dia adquiriu.

Permanecer nas sombras, fazendo do cemitério o seu lar, ou buscar justiça para si e para o espírito daquela que foi mais do que uma companhia indesejada, pode parecer uma escolha fácil, para quem desconhece o perigo.

O começo de uma trama intrigante (que poderia ser melhor desenvolvida) com ilustrações e diálogos envolventes e sombrios, numa linda edição capaz de agradar leitores de várias gerações (juvenil +).

Quem é Calexa Rose Dunhill, e por que ela foi descartada?
comentários(0)comente



Ana Luiza 14/08/2017

Intrigante e sombrio
A SÉRIE
Os Impostores é o 1º volume da trilogia de quadrinhos A Garota do Cemitério, dos autores Charlaine Harris e Christopher Golden, e ilustrado por Don Kramer. A série conta a história de Calexa Rose Dunhill, uma jovem que é deixada para morrer no cemitério no qual passaria a viver. Ao mesmo tempo em que tenta recuperar suas lembranças e descobrir quem é de verdade, e porque alguém tentou tirar sua vida, Calexa acompanha a rotina do cemitério e vizinhança, e tenta trazer justiça para espíritos atormentados.

(...)

A LEITURA: TRAMA E PROTAGONISTA
Apesar da trama simples, a história, além de um ar sombrio e meláncolico, traz acontecimentos rápidos e intrigantes, assim como uma protagonista cativante. Juntamente a Calexa, ficamos curiosos para saber mais sobre essa garota deixada para morrer que adota o cemitério como casa. Gostei de que a primeira parte do quadrinho se dedicou a mostrar a adaptação da Calexa a vida no cemitério, assim como suas interações com o zelador do lugar e uma senhora que mora nas vizinhanças. Os Impostores também me cativou com vários balões de pensamentos da Calexa, o que deu uma voz narrativa para o quadrinho, o tornou mais sombrio e intrigante, mas também nos permitiu cativar melhor com a protagonista e seus dilemas interiores.

Como uma leitora voraz de livros em prosa, confesso que não curto muito o ritmo acelerado de uma HQ, assim como a trama mais superficial, com poucas histórias paralelas e quase nenhum aprofundamento nos personagens secundários. Contudo, isso não me impediu de me prender a história de Os Impostores e desejar que os autores a transformassem em um livro, já que a premissa da obra é bem interessante, assim como a protagonista em conflito, que mesmo fragilizada por não se lembrar quem é, acaba sendo uma jovem corajosa e forte.

Entretanto, como uma HQ, a trama de Os Impostores funciona perfeitamente. Ela é carregada de um clima de tensão e melancolia, mistérios intrigantes e até mesmo algumas cenas de ação, como fugas e perseguições, assim como um assassinato. Apesar da simplicidade da história, Os Impostores introduz bem a trilogia A Garota no Cemitério e me deixou bem curiosa para os próximos volumes, já que várias perguntas sobre a Calexa continuaram sem resposta. Recomendo a obra para quem gosta de suspenses sobrenaturais jovens e tenham curiosidade de ler histórias em quadrinhos que, apesar de simples, são rápidas de ler, cativantes e intrigantes.

(...)

LEIA A RESENHA COMPLETA E VEJA FOTOS DA HQ NO BLOG:

site: http://www.mademoisellelovesbooks.com/2017/08/resenha-garota-do-cemiterio-charlaine-harris-christopher-golden.html
comentários(0)comente



Blog Stalker Literária 10/08/2017

Uma HQ incrível, muito curiosa para ler as próximas
O que você faria se acordasse em um cemitério e a única lembrança que tivesse é de que tentaram te matar?

Os impostores – A Garota do cemitério #1 começa logo com esse choque. Nossa protagonista é desovada em um cemitério, e acorda algum tempo depois com a certeza de que ficou morta por alguns momentos, mas acabou sobrevivendo. Ela tem certeza de que quem lhe jogou ali acha que ela está morta, e como ela não tem lembrança nenhuma de sua vida, o mais seguro é se manter escondida, e é assim que o cemitério acaba se tornando o seu lar.

É em uma cripta que ela resolve se esconder até aparecer alguma notícia sobre seu desaparecimento, afinal é de se esperar que alguém iria notar a falta dela não é mesmo? Mas os dias vão passando e nossa protagonista vai se acostumando mais a aquele lugar, tendo que roubar alimentos e roupas para conseguir sobreviver e se manter segura, e acaba criando uma rotina com algumas pessoas como o zelador do cemitério e uma senhorinha que mora ali perto.

Mas é ali também que ela presencia um acontecimento chocante, algo que acaba mudando a sua vida de uma maneira que ela não sabe explicar, e cabe a ela agora trazer justiça por tal acontecimento, mas como fazer isso quando ela está tentando se esconder e não pode simplesmente aparecer para qualquer pessoa?

Os Impostores é a primeira Graphic Novel que leio depois de muito tempo, pois apesar de ser um formato que eu gosto bastante eu infelizmente acabo não comprando pra ler, e quando peguei essa que foi o primeiro lançamento da Valentina no ramo me apaixonei perdidamente logo nas primeiras páginas.

A história é completamente instigante, afinal de contas tanto a protagonista quanto o leitor quer saber quem desovou ela ali, quer ter alguma pista de quem é ela ou o que aconteceu depois que ela foi jogada, mas quando um assassinato acontece ali e ela presencia tudo a GN ganha um novo rumo, que deixa o leitor com os olhos grudados nas páginas tentando descobrir como ela sairá dessa e se ela terá coragem de trazer justiça para a pessoa.

Não posso falar muito da história pra vocês se não iria acabar estragando os mistérios e tudo mais, mas o que posso afirmar que é muito interessante acompanhar Calexa (nome que ela se deu por não se lembrar do seu) vivendo no cemitério, as amizades que ela faz, como ela sobrevive ali escondida sem ser notada e principalmente seus pensamentos, medos e descobertas.

Quanto a qualidade da Graphic Novel, a Valentina está de parabéns. As páginas são mais grossinhas e brilhantes, as ilustrações são perfeitas, cada mínimo detalhe ali consegue deixar o leitor ainda mais apaixonado, de modo que quando você muda de página não sabe se fica ali admirando ou lê logo a história para saber o que vai acontecer naquela página rsrsrs.

Por ser a primeira de uma trilogia, Os Impostores – A Garota do cemitério #1 não revela muitos dos mistérios ou se aprofunda na personalidade da protagonista (alias, isso é uma coisa que não acontece muito nesse estilo de publicação), mas ainda assim é uma leitura rápida que vai prender o leitor tanto pela história quanto pela beleza gráfica. Você vai fazer a leitura desta HQ em menos de uma hora e ficar morrendo de vontade de ter um próximo volume em mãos para saber mais de Calexa e sua vida antes e depois do Cemitério.



site: http://www.gordinhaassumida.com.br/2017/08/resenha-os-impostores-garota-do.html#axzz4pH6Kq3tj
comentários(0)comente



39 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3