Quando a Catarineta Quase Volta a Olinda - Coleção Crônicas do Mateus

Quando a Catarineta Quase Volta a Olinda - Coleção Crônicas do Mateus Maurício Melo Júnior


Compartilhe


Quando a Catarineta Quase Volta a Olinda - Coleção Crônicas do Mateus (COLEÇÃO)





“Oh mar salgado, quanto do teu sal são lágrimas de Portugal?”, perguntou o poeta Fernando Pessoa ante a trágica história das navegações da Era dos Descobrimentos.
Do outro lado do Atlântico, no Brasil, brincantes se reúnem para bailar a nau Catarineta, onde, entre fome, sede, tempestades e milagres, homens bravos do mar vencem todos os perigos e avistam terras de Espanha e areias de Portugal.
Beto, junto com seus amigos, está em Paulista, em Pernambuco, bem na fronteira com Olinda, assistindo ao folguedo e revivendo os mistérios e os desastres da volta do donatário Jorge de Albuquerque às terras portuguesas."

Ficção

Edições (1)

ver mais
Quando a Catarineta Quase Volta a Olinda - Coleção Crônicas do Mateus

Similares


Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.5 / 1
5
ranking 0
0%
4
ranking 100
100%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

20%

80%

João gregorio
cadastrou em:
07/12/2018 21:12:04
BIBLIOTECA EREM D.RENATO FONSECA
editou em:
05/07/2019 15:28:27