Quando Éramos Órfãos

Quando Éramos Órfãos Kazuo Ishiguro


Compartilhe


Quando Éramos Órfãos





Quando éramos órfãos marca a volta de Kazuo Ishiguro à ficção, depois de um silêncio de cinco anos. Com sutileza temperada por um humor fino e certeiro, o autor de Os vestígios do dia escreve sobre o poder do passado de determinar, para o bem ou para o mal, o presente das pessoas. Christopher Banks, um garoto inglês nascido na Xangai do início do século, fica órfão aos nove anos de idade, quando seus pais desaparecem misteriosamente. De volta à Inglaterra, torna-se um detetive de renome e circula nos meios mais refinados. Vinte anos depois, Banks resolve rever Xangai - agora palco da guerra sangrenta entre China e Japão. A partir desse momento, sua busca pelos pais passa a confundir-se com a busca pela ordem num mundo órfão, vitimado pela sombra.Envolvente, a narrativa ganha ritmo de trama policial na voz controlada e minuciosa do protagonista. A aparente frieza do relato, entretanto, não esconde o que Christopher Banks não quer ou não pode ver: que sua memória, sua visão de mundo, não estão imunes às tragédias da infância. No vaivém das reminiscências, o lirismo colide dolorosamente com a matéria dura da realidade.

Romance

Edições (1)

ver mais
Quando Éramos Órfãos

Similares

(3) ver mais
Não Me Abandone Jamais
O Gigante Enterrado
Minha Noite no Século XX e Outros Pequenos Avanços

Estatísticas

Desejam16
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.7 / 3
5
ranking 0
0%
4
ranking 100
100%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

49%

51%

House of Chick
cadastrou em:
14/10/2017 18:41:07