Quatro Contos Eróticos

Quatro Contos Eróticos R.M. Ferreira


Compartilhe


Quatro Contos Eróticos





COLETÂNEA DE CONTOS ERÓTICOS| R.M. FERREIRA

DESCRIÇÃO. Quatro Contos Eróticos reúne em um só volume, os contos mais acessados no Blog Calcinha Molhada, também disponível na Amazon, em formato impresso. Em O HOMEM PERFEITO, a protagonista se encanta com um belo estranho que a observa em uma banca de jornais. Os dois se rendem a um encontro erótico intenso, cujo clímax requer que ela supere seus temores. Alternando a métrica, o conto O TRÊS descreve o envolvimento de dois homens e uma mulher, num relacionamento poliamoroso, inusitado e profundo. Múltiplos sujeitos se encontram no conto AROMAS. Neste conto, um casal se envolve com diferentes parceiros como parte das exigências de seu próprio casamento. Finalmente, no conto de erotismo fantástico, A MOÇA, O GUERREIRO E O DRAGÃO, uma jovem é oferecida em sacrifício a um terrível dragão. No entanto, arrebatada por eu poder de sedução, se vê dividida entre ele e Mildred, o altivo guerreiro que salvou sua vida.

TRECHOS.
"Segundo... terceiro... quarto... quinto...Sexto andar. Finalmente, eu precisava escolher. Sair. Deixá-lo. Ir ao encontro da Valquíria e narrar, em detalhes, a minha esfregação com um estranho delicioso, no elevador do prédio. Ou ficar. Ir ao décimo quinto. Seguir com ele. Para a lua. Para o céu. Ou para o inferno." (O homem perfeito)

"Não tinha mais jeito. Eu não podia mais me fingir de desentendida ou de agir como uma criança tonta. A realidade era aquela: não havia escolha. Se ficasse com um, teria que ficar com o outro. Se me deitasse com um, teria que me deitar com o outro. E nunca, jamais, em momentos separados. Os dois, juntos, sempre..." (O Três)

"São os cheiros que me transformam. Minha submissão a Arthur se desloca. Estou à mercê dos cheiros, da magia dos feromônios que exalam deles e de mim mesma. Exposta aos aromas, transmuto. Por mais que esteja obedientemente de quatro, recebendo uma tempestade de picas e chupando o pau do meu marido, os odores me transtornam. Posso ser propriedade e de fato sou, mas torno-me Senhora dos meus próprios sentidos, das minhas sensações." (Aromas)

“_ Me dá a sua mão. _ ele exigiu. Como o tom não admitia réplicas, nem pensou em discutir. Devagar, estendeu a mão direita. Com os olhos fixos nos seus, o guerreiro virou a palma para cima. Para seu espanto, lambeu-a. Depois o pulso e o antebraço. As pernas dela tremeram. Uma profusão absurda de saliva se formou em sua boca. Com muita dificuldade, ela engoliu." (A moça, o guerreiro e o dragão)

Erótico

Edições (1)

ver mais
Quatro Contos Eróticos

Similares


Resenhas para Quatro Contos Eróticos (0)

ver mais
on 12/7/20


Como a maioria dos livros de contos, começa muito bem e vai patinando nos seguintes. Gostei do primeiro. Dos outros, nem tanto.... leia mais

Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.3 / 6
5
ranking 0
0%
4
ranking 43
43%
3
ranking 57
57%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

15%

85%

Jessica.Oliveira
cadastrou em:
28/02/2020 11:17:11