php_network_getaddresses: getaddrinfo failed: Temporary failure in name resolution Rainha dos Caraíbas - Emilio Salgari
Rainha dos Caraíbas

Rainha dos Caraíbas Emilio Salgari


Compartilhe


Rainha dos Caraíbas





No ciclo do Corsário Negro, o herói salgariano é Emilio de Roccabruna, o senhor de Ventimiglia, um nobre espanhol que se torna flibusteiro depois que o irmão mais velho morre por causa da traição do Duque de Wan Guld. Em sua busca por vingança, o flibusteiro perde os dois irmãos mais novos e jura vingança contra o duque e toda a sua descendência. Esse juramento acaba se revelando a tarefa mais penosa que o Corsário é obrigado a enfrentar. Neste segundo volume, o flibusteiro continua em busca do inimigo odiado, atormentado pela visão dos irmãos mortos e da jovem amada, abandonada por ele em uma chalupa para morrer no mar, pois, por ironia do destino, ela é filha do assassino cruel. Junto com ele, o leitor vai navegar pelos mares tempestuosos do continente americano, atravessar florestas tropicais e regiões pantanosas infestadas de animais selvagens e exóticos, e se empenhar em batalhas sangrentas contra os espanhóis. Corsário Negro, o famoso flibusteiro que aterroriza os mares do Caribe após a morte dos seus três irmãos pelas mãos do desprezível Duque de Wan Guld, jura exterminar este homem, bem como todos os seus descendentes, sem saber que a mulher que ama apaixonadamente, Honorata, é a única filha do odiado inimigo. Ao descobrir a verdade, cede aos insistentes pedidos de sua tripulação e, em vez de matá-la, decide abandoná-la em alto-mar, em uma pequena chalupa, durante uma terrível noite tempestuosa. Mas o inimigo jurado de morte ainda está vivo. O flibusteiro continua atormentado pelas lembranças e, nas noites de tempestade, é assombrado por alucinações: vê os cadáveres do Corsário Verde e do Corsário Vermelho, sepultados no mar, subirem à superfície entre raios e relâmpagos, ouve a lamento do irmão que morreu em Flandres por causa da traição do duque flamengo no rugir da ventania; e avista o bote de Honorata flutuando nas ondas. Nesta emocionante aventura, o Corsário vai contar com a ajuda inestimável de Yara, uma jovem indígena, única sobrevivente de sua tribo, que, depois do massacre realizado pelo mesmo Duque de Wan Guld, foi vendida como escrava e acabou sendo obrigada a trabalhar na casa do assassino cruel. Quando o Corsário Negro sai de Bornéu para ir em busca do seu inimigo, ouve histórias e boatos sobre uma mulher recolhida no mar por uma caravela espanhola que mais tarde naufragou no litoral da Flórida. Em companhia de seus fiéis amigos, Carmaux, Wan Stiller e Moko, e com Morgan no comando de sua nave, a Folgore, o Corsário resolve tirar a limpo essa história. Com isso, irá enfrentar perigos inimagináveis no mar e em terra, empenhar batalhas sangrentas contra os espanhóis, se arriscar em regiões pantanosas perigosíssimas e terá encontros inesperados e surpreendentes.

Edições (1)

ver mais
Rainha dos Caraíbas

Similares

(9) ver mais
Clássicos da Literatura Disney - Volume 37
Iolanda, a filha do Corsário Negro
O Corsário Negro
O Fantasma de Sandokan

Estatísticas

Desejam12
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.6 / 10
5
ranking 30
30%
4
ranking 20
20%
3
ranking 30
30%
2
ranking 20
20%
1
ranking 0
0%

32%

68%

patita
cadastrou em:
17/09/2011 13:53:09