Shamisen: Canções do Mundo Flutuante

Shamisen: Canções do Mundo Flutuante Guilherme Petreca


Compartilhe


Shamisen: Canções do Mundo Flutuante





A editora Pipoca & Nanquim orgulhosamente apresenta aos seus leitores mais uma publicação nacional de seu selo de obras originais, o novo trabalho do aclamado Guilherme Petreca, desenhista de Ogiva. Desta vez, o artista se uniu ao diretor e roteirista cinematográfico Tiago Minamisawa para narrar o fabuloso conto Shamisen: Canções do Mundo Flutuante, inspirado na cultura japonesa. Traçando paralelos com a realidade e inserindo elementos do folclore e da mitologia nipônica, a HQ narra a história de Haru, uma musicista cega que sobrevive por meio de suas canções e talento para tocar o shamisen, um instrumento de corda com uma história tão peculiar quanto sua melodia. A protagonista foi inspirada na artista Haru Kobayashi (1900-2005), consagrada como uma das mais influentes gozes, mulheres cegas que ganhavam a vida com apresentações musicais.

Com páginas ilustradas em um estilo influenciado pelo ukiyo-e e seu maior expoente, Katsushika Hokusai, a obra tem como objetivo ser uma leitura leve, prazerosa e reflexiva em tempos conturbados, e também apresentar ao público brasileiro aspectos históricos pouco comentados, mas que exercem forte influência na cultura oriental até os dias de hoje, como a tradicional música Min'yō. A edição tem 164 páginas em papel pólen de alta gramatura, capa dura de papel linho com verniz localizado e lombada redonda. Conta ainda com uma galeria de extras com textos complementares de Vinicius Sadao, Gabriela Itocazo e Ed Canto, que aprofundam os principais temas apresentados no quadrinho.

HQ, comics, mangá

Edições (2)

ver mais
Shamisen: Canções do Mundo Flutuante
Shamisen: Canções do Mundo Flutuante

Similares


Resenhas para Shamisen: Canções do Mundo Flutuante (19)

ver mais
Shamisen: Canções do Mundo Flutuante
on 29/5/21


Fiquei impressionado com esse quadrinho a começar pela arte do Guilherme Petreca, conheci o artista pelo quadrinho Ogiva mas nem parece o mesmo artista aqui. A arte é baseada no estilo de arte tradicional japonês ukiyo-e e está repito belíssima. A historia é praticamente uma fábula e a personagem Haru baseada na artista Haru Kobayashi uma goze viaja o Japão tocando o seu Shamisen e após um encontro com uma criatura fantástica recebe a “dadiva” de falar e ouvir as divindades do folclor... leia mais

Vídeos Shamisen: Canções do Mundo Flutuante (1)

ver mais
Duas BRASILEIRAS e Uma GRINGA PREMIADA ? Por Maria Clara Spinelli

Duas BRASILEIRAS e Uma GRINGA PREMIADA ? Por


Estatísticas

Desejam24
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.4 / 135
5
ranking 60
60%
4
ranking 34
34%
3
ranking 4
4%
2
ranking 2
2%
1
ranking 0
0%

51%

49%

Joseph
cadastrou em:
25/04/2021 11:16:56
Joseph
editou em:
25/04/2021 11:17:57

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR