Stuck-Up Suit

Stuck-Up Suit Vi Keeland
Penelope Ward


Compartilhe


Stuck-Up Suit (Cocky Bastard #2)





Começou como qualquer manhã no trem. Até que eu fiquei hipnotizada pelo cara sentado do outro lado do corredor.
Ele estava gritando com alguém em seu celular como se fosse o dono do mundo.
Quem que esse arrogante engomadinho achava que era... Deus?
Na verdade, ele parecia como um deus. E só isso.
Quando sua parada chegou, ele se levantou de repente e saiu. Tão de repente que ele deixou cair seu celular.
Eu posso ter pegado ele.
Eu posso ter visto todas suas fotos e ter ligado para alguns dos números salvos.
Eu posso ter ficado com o celular do homem misterioso por alguns dias até que, finalmente, consegui ter coragem de devolver.
Quando eu levei minha bunda até sua empresa, ele se recusou a me ver.
Então, eu deixei o celular na mesa vazia do lado de fora do escritório do imbecil arrogante.
Sem pensar, eu também posso ter deixado para trás uma foto comprometedora.
Eu não esperava que ele fosse mandar uma mensagem de volta.
Eu não esperava que nossas mensagens fossem assim tão quentes.
Eu não esperava me apaixonar por ele – mesmo antes de nos conhecermos.
Nós dois não poderíamos ser mais diferentes.
Ainda assim, você sabe o que eles falam sobre opostos.
Quando finalmente ficamos cara a cara, descobrimos que, as vezes, os opostos fazem mais coisas além de se atraírem – nós nos consumimos.
Nada poderia ter me preparado para a jornada que isso me levou. E eu, com certeza, não estava preparada para onde eu iria chegar quando essa jornada acabasse.
Todas as coisas boas tem que chegar ao final, certo?
Exceto que nosso final foi um que eu não consegui prever.

Ficção / Jovem adulto / Literatura Estrangeira / Romance

Edições (1)

ver mais
Stuck-Up Suit

Similares

(6) ver mais
Cocky Bastard
Playboy Pilot
Mister Moneybags
Mack Daddy

Resenhas para Stuck-Up Suit (20)

ver mais
on 12/4/16


Tipo de estoria que faz com que eu me pergunte se eu tenho um parafuso a menos. O cara era azedo, pomposo, arrogante, mal humorado, estressado (uma bomba ticking pra explodir). Enfim, legitimo a$$hole. Agora, EU, com meus neoronios duvidosos troquei um pouquinho os adjetivos ali em cima. O a$$hole, aos meus olhos, era fascinante, seguro de si, ousado , charmoso e lindo feito um Deus. Lindo feito um Deus, nao sao palavras minhas. Copiei da mocinha (Soraia) Os opostos se atraem? Parec... leia mais

Estatísticas

Desejam49
Trocam1
Avaliações 4.1 / 740
5
ranking 40
40%
4
ranking 42
42%
3
ranking 15
15%
2
ranking 3
3%
1
ranking 0
0%

0%

100%

bbbruna_
editou em:
31/10/2018 13:30:43