Tranny

Tranny Laura Jane Grace...


Compartilhe


Tranny


Confissões da anarquista mais infame e vendida do punk rock




Tranny: Confissões da Anarquista mais Infame e Vendida do Punk Rock é a autobiografia de Laura Jane Grace, a vocalista transgênero da banda punk Against Me!

O livro fala sobre sua infância, a relação com o pai militar, formação da banda aos 16 anos, a carreira no underground e as agruras de assinar com uma gravadora grande, o casamento e o nascimento da filha, tudo acompanhado pelo sentimento constante de disforia de gênero, classificado por psicólogos como “um forte e persistente desejo de identificar-se com o sexo oposto”.

A narrativa é intercalada com trechos dos diários que Laura manteve a vida toda, onde escreveu sobre seus maiores medos e desejos. Destes excertos nascem os momentos mais sinceros e tocantes do livro, que deixam transparecer a grande insegurança em relação a si mesma, seguida pela lenta e gradual auto aceitação até a decisão inevitável de fazer a transição.

Laura anunciou a mudança ao público em 2012, aos 32 anos, com uma matéria na revista Rolling Stone, pouco depois de contar à sua família e aos integrantes da banda. Em 2014 o Against Me! lançou o disco Transgender Dysphoria Blues (2014), focado em sua experiência de transição e considerado o melhor disco do ano pela Rolling Stone. Laura é hoje uma das personalidades trans mais famosas dos EUA, e embaixadora das causas de gênero no mundo.

O livro saiu nos EUA em 2016 e entrou para a lista dos 100 melhores livros de música de todos os tempos da Billboard.

Biografia, Autobiografia, Memórias

Edições (1)

ver mais
Tranny

Similares


Resenhas para Tranny (3)

ver mais
on 21/5/20


Tranny é a terceira autobiografia escrita por um músico LGBT que li nessa quarentena. Baseado nos diários que Laura Jane Grace manteve desde a juventude, vemos dentro do panorama da história de sua banda, Against Me!, sua jornada de aceitação. A raiz da ideologia punk deveria permitir que a cena fosse um espaço seguro e livre para as pessoas se expressarem, enquanto elas representassem seus princípios e se mantivessem longe das grandes corporações. Na prática, em muitas cenas, a rou... leia mais

Estatísticas

Desejam6
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.7 / 36
5
ranking 75
75%
4
ranking 19
19%
3
ranking 6
6%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

51%

49%

Gabriel
cadastrou em:
02/10/2018 19:02:01
Jenifer
editou em:
20/12/2018 03:05:20