Uma Noite Fatídica

Uma Noite Fatídica Walter Lord


Compartilhe


Uma Noite Fatídica





Em 10 de abril de 1912, o Titanic zarpou de Southampton, na Inglaterra, para sua viagem inaugural rumo a Nova York. Era o maior e mais luxuoso transatlântico até então construído, com tecnologia tão avançada que se acreditou que o navio seria “inafundável”. Na noite de 14 de abril, ele colidiu com um iceberg e foi a pique. Mais de 1.500 passageiros e tripulantes morreram nas águas do Atlântico, na primeira e última viagem do Titanic.

Nos anos 1950, quando decidiu fazer um relato sobre o desastre, o escritor Walter Lord localizou mais de sessenta sobreviventes, além de outras dezenas de pessoas de alguma forma envolvidas com o naufrágio. Lord entrevistou-os para reconstituir tudo o que ocorreu na última noite do navio, bem como na madrugada do dia 15, quando os sobreviventes tiveram de esperar durante horas em botes no oceano até serem resgatados. Publicado em 1955, Uma noite fatídica tornou-se imediatamente um best-seller nos EUA. Atualmente, é considerado o mais importante livro sobre a tragédia, pela precisão na apuração dos eventos, riqueza das informações obtidas e força do relato. O pioneirismo e a acuidade de Lord também fizeram de seu livro referência incontornável para quem se interessa pela história e mitologia do navio. James Cameron recorreu a Lord como consultor de seu filme Titanic.

“Da primeira à última página, Uma noite fatídica versa sobre as pessoas que habitaram brevemente o Titanic, e nenhum outro autor terá a oportunidade de falar com tantos deles”, observou o escritor Nathaniel Philbrick. “Por essa razão, o livro de Lord nunca poderá ser superado.”

Edições (1)

ver mais
Uma Noite Fatídica

Similares

(11) ver mais
La nuit du Titanic
Titanic
TITANIC - O Naufrágio
Sobrevivente do Titanic

Resenhas para Uma Noite Fatídica (3)

ver mais
Tão bom que parece ficção.
on 26/2/15


Já faz mais de 50 anos que esse livro foi escrito, mas chegou ao Brasil apenas em 2012. Só fui saber dele a um mês atrás. Pra quem não sabe, ele foi escrito com base de relatos de 62 sobreviventes que Lord conseguiu reunir, hoje não há mais nenhum sobrevivente vivo. Juro que se não conhecesse a história do Titanic, se nem soubesse que existiu, esse livro ia ser ficção pra mim, a escrita é igualzinha a um livro de ficção, o modo de como o autor descreve como tudo aconteceu é fascinant... leia mais

Estatísticas

Desejam43
Trocam1
Avaliações 4.7 / 77
5
ranking 78
78%
4
ranking 13
13%
3
ranking 8
8%
2
ranking 1
1%
1
ranking 0
0%

42%

58%

Daniel
cadastrou em:
12/12/2012 11:09:50

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR