Volta ao mundo em 72 dias

Volta ao mundo em 72 dias Nellie Bly


Compartilhe


Volta ao mundo em 72 dias (Coleção Meia-Azul)





Apenas 16 anos depois da publicação de A volta ao mundo em 80 dias, a primeira pessoa a quebrar o recorde imaginado por Júlio Verne foi uma garota: a jornalista e desbravadora Nellie Bly, que ― aos 24 anos, sozinha e com uma única maleta ― cruzou um planeta que mal começava a se globalizar, venceu a prova e os preconceitos, mostrando que “lugar de mulher é”… no mundo todo.

Aos 20 anos, Nellie Bly leu um artigo sobre o “problema” das mulheres que não se casavam. Ela respondeu com uma carta tão incisiva que o jornal a contratou. Para não ficar restrita às sessões de “cuidados do lar”, Nellie partiu para Nova York e foi desafiada por Joseph Pulitzer a investigar um asilo mental acusado de maus-tratos com as pacientes. Eu disse que poderia, que iria e o fiz. E o fez com coragem, fingindo-se de louca e sendo internada. O resultado foi contado em Dez dias no manicômio, a primeira “reportagem proeza”, à qual se seguiriam outras investigações, nas quais Nellie expôs corruptos e exploradores das mulheres e pobres. Mais tarde, resolveu se dedicar à sua maior (e mais longa) reportagem: dar a volta ao mundo e quebrar o recorde que só existia nos livros de aventuras. Mais do que correr contra o relógio, Nellie precisava vencer o machismo da época, que duvidava que uma mulher conseguiria se virar sozinha, quanto mais atravessar o planeta.

Não-ficção

Edições (1)

ver mais
Volta ao mundo em 72 dias

Similares

(55) ver mais
Dez dias no manicômio
Julio Verne y la Cocina
A Volta ao Mundo em 80 Dias
A volta ao mundo em 80 dias

Estatísticas

Desejam8
Trocam1
Avaliações 0 / 0
5
ranking 0
0%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

10%

90%

Jenifer
cadastrou em:
02/06/2021 00:39:58
Jenifer
editou em:
02/06/2021 14:52:03

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR