Grande Sertão: Veredas

João Guimarães Rosa



Grande Sertão: Veredas





Nesta obra de Guimarães Rosa, o sertão é visto e vivido de uma maneira subjetiva e profunda, e não apenas como uma paisagem a ser descrita, ou como uma série de costumes que parecem pitorescos. Sua visão resulta de um processo de integração total entre o autor e a temática, e dessa integração a linguagem é o reflexo principal. Para contar o sertão, Guimarães Rosa utiliza-se do idioma do próprio sertão, falado por Riobaldo em sua extensa e perturbadora narrativa.



Encontramos em ´Grande Sertão-Veredas´ dimensões universais da condição humana - o amor, a morte, o sofrimento, o ódio, a alegria - retratadas através das lembranças do jagunço em suas aventuras no sertão mítico, e de seu amor impossível por Diadorim.

Edições (17)

ver mais
Grande Sertão: Veredas
Grande Sertão: Veredas
Grande Sertão: Veredas
Grande Sertão: Veredas

Similares

(1) ver mais
MARAJÓ

Resenhas para Grande Sertão: Veredas (83)

ver mais
"o destino guardou essa maravilha pra você"
on 19/5/11


Todo mundo costuma se atrasar pelo menos alguns minutos em suas atividades, principalmente quando as mesmas são: trabalho e estudo. E comigo não poderia ser diferente, e exatos "7 minutos" de atraso me fizeram estar aqui, fazendo uma resenha sobre esse livro que pra mim sempre foi um grande clássic... leia mais

Vídeos Grande Sertão: Veredas (3)

ver mais

Literatura Fundamental - Grande Sertão: Veredas -

O caminho de Guimarães Rosa no sertão mineiro: "O

Manoelzinho da Crôa (Tavinho Moura)


Estatísticas para Grande Sertão: Veredas

Desejam601
Trocam85
Avaliações 4.4 / 2.861
5
ranking 66
66%
4
ranking 19
19%
3
ranking 11
11%
2
ranking 3
3%
1
ranking 2
2%

36%

64%

Isabelle
cadastrou em:
05/01/2009 12:09:16


logo skoob
"O contato direto com outros leitores incentiva a ler e adquirir livros que nem imaginávamos existir."

Revista Época