A resistência à remoção de favelas no Rio de Janeiro

A resistência à remoção de favelas no Rio de Janeiro Alexandre F. Mendes...


Compartilhe


A resistência à remoção de favelas no Rio de Janeiro


Instituições do comum e resistências urbanas: a história do Núcleo de Terras e Habitação e a luta co...




No período de 2007 a 2016 o Rio de Janeiro virou um grande laboratório urbanístico. Iniciando a jornada com os Jogos Pan-americanos, passando pela Copa do Mundo e encerrando com as Olimpíadas, a cidade transformou-se nada sensivelmente em um canteiro de obras, refletindo uma grande aliança entre o poder público e as empresas privadas.

Eduardo Paes entrou no papel do prefeito que toca obras e fez inúmeras intervenções para adequá-la ao novo status de cidade internacional, sede de grandes eventos mundiais. Pegando carona nessa desculpa, Paes encarou o "o problema das favelas" como algo a ser resolvido, algumas sendo ocupadas por poder policial e "integrando-se" à cidade, outras sendo removidas, com suas famílias, suas histórias e sua cultura sendo despejadas de seu habitat natural. É esse aspecto que o livro aborda, fazendo reflexões importantes acerca das remoções das favelas da cidade do Rio de Janeiro.

Política

Edições (1)

ver mais
A resistência à remoção de favelas no Rio de Janeiro

Similares


Estatísticas

Desejam1
Trocam1
Avaliações 5.0 / 1
5
ranking 100
100%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

33%

67%

Mariana Abramo
cadastrou em:
14/09/2016 13:15:11