Água Preta

Água Preta A. Zarfeg


Compartilhe


Água Preta





Houve um moço, nas terras das Águas Pretas, que só conseguiu ser rei porque descobriu primeiro que para abrir os olhos bastava tocar nas letras. Era um rei que escrevia, mas não podia governar. Seu infortúnio, quem diria, estava nas próprias letras que soletravam seu pobre nome GILMAR.

A poesia de Zarfeg "cutuca marimbondo em pé de laranja alheia", com dois cuidados: o medo dos marimbondos e o receio do dono do pé de laranja. Mas com a boca cheia d'agua, na expectativa de saborear o mel.

A. Zarfeg é natural de Itanhém (BA) e,desde 1996, vem atuando ativamente na imprensa do extremo sul baiano, tendo editado a “Folha de Itanhém” entre os anos 1999 e 2000. atualmente é redador do jornal Expressão de Teixeira de Freitas (BA), no qual assina a coluna Tutti Quanti.

Além de colaborar em inúmeros jornais da região, Zarfeg tem crônicas, contos e poemas publicadosnas revistas eletrônicas Verbo 21, Idiossincrasia, Paralelos, Famigerado, Cronopios e O Caixote. Publicou também artigos no Centro de Mídia Independente e nos Blogs políticos de Ricardo Noblat e Cláudio Humberto.

Ele é autor do livro Rápidos & Diretos (Scortecci Editora).

Edições (1)

ver mais
Água Preta

Similares


Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.0 / 2
5
ranking 0
0%
4
ranking 50
50%
3
ranking 0
0%
2
ranking 50
50%
1
ranking 0
0%

50%

50%

Nando
cadastrou em:
10/02/2011 17:37:29