Arco de virar réu

Arco de virar réu Antonio Cestaro




Arco de virar réu





Narrativa labiríntica escrita em primeira pessoa, Arco de virar réu descreve os eventos que marcam a deterioração física e mental do narrador-protagonista. Historiador social com forte inclinação para o estudo antropológico, ele é obcecado pelos rituais e pelos costumes dos índios tupinambás. A história começa com o surgimento dos primeiros sintomas de esquizofrenia em seu irmão, nos anos 1970, segue pela adolescência, quando, inspirado em rituais indígenas, o narrador passa a se dedicar à ocultação de cadáveres, e termina com a dolorosa percepção da própria loucura. Digressões delirantes misturam-se a fragmentos de memória e a pesadelos que, aos poucos, colocam em dúvida a própria existência.

Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Arco de virar réu

Similares

(3) ver mais
O Pomar das Almas Perdidas
Ana de Amsterdam

Resenhas para Arco de virar réu (11)

ver mais
Muito bom!
on 23/3/16


Primeiro romance do escritor brasileiro Antonio Cestaro, Arco de virar réu chama a atenção pelo trabalho cuidadoso com a linguagem. A narrativa ágil nos envolve do início ao fim - é desses livros que não conseguimos parar de ler até chegar à última página. A fronteira tênue entre doença e normalidade, entre sanidade e loucura é o tema do romance, que se divide em quatro partes. O narrador-protagonista é um homem de meia idade, filho primogênito de uma família simples. O casamento dos... leia mais

Vídeos Arco de virar réu (2)

ver mais
Arco de virar réu - Antonio Cestaro: COMENTÁRIO

Arco de virar réu - Antonio Cestaro: COMENTÁR

Literatorios #055 - Arco de Virar Réu

Literatorios #055 - Arco de Virar Réu


Estatísticas

Desejam11
Trocam1
Avaliações 3.5 / 39
5
ranking 13
13%
4
ranking 36
36%
3
ranking 41
41%
2
ranking 10
10%
1
ranking 0
0%

37%

63%

Lah
cadastrou em:
16/02/2016 15:52:37