Clarice A Última Araújo

Clarice A Última Araújo Paulo Souza


Compartilhe


Clarice A Última Araújo (1 #1)





Pode-se pensar em impossibilidades quando alguém se adianta a fazer um estilo de literatura que é formado com os encaixes aparentemente incompatíveis de gêneros literários, o fantasioso e a crítica social se unindo, mas García Márquez como desbravador demonstrou que se, mais cauteloso e minimalista seja um assunto mais ele, se contornará em destaque com a utilização o suporte do sonho e da fantasia.
Paulo Souza ao, colocar sua protagonista Clarice como um ser quase angelical e intocável, criou um espaço demasiadamente fértil para uma crítica social feroz trazida no âmbito do tragicômico, sendo assim existe de um lado o peso dos instintos e das desumanidades, que são desbravadas no mercado da prostituição mas, uma criança da idade de Clarice, uma ainda adolescente, tão pura e, tão etérea, escancara o fato de que, mesmo a brutalidade da sexualidade e da libido se enfraquecem perplexas diante da inocência de uma mulher-criança.
A história é sutil e desenvolvida com parágrafos de construções objetivas que ao mesmo tempo que narram um enredo completamente construído, tangenciando uma densa semântica que explora um conteúdo crítico, o autor responsabiliza a “indústria do sexo como expressão do desdém humano, sendo causado pela cobiça”, como aponta o escritor e prefaciador Marcos Fabrício. Pertinente ao tema é a simbolização completa em torno do “corpo”, um receptáculo de sensações corpóreas e também, palco das expressão humanas, neste ritmo de interpretação, torna-se paradoxal, a percepção da mazela social chamada prostituição, pois é o corpo o lugar e meio de expressão das mais sinceras emoções humanas, mas é ele também coisificado como instrumento para a proliferação da violência.

Ficção

Edições (1)

ver mais
Clarice A Última Araújo

Similares


Resenhas para Clarice A Última Araújo (1)

ver mais
Fantástico do começo ao fim
on 8/12/18


Acompanhar a história de Clarice, a última Araújo a carregar o sangue angelical que se mesclou ao de sua família, além do peso consequente dessa descendência, foi uma experiência inigualável. Com personagens cativantes, que vão desde a protagonista até os secundários, e uma trama escrita de forma tão fluída que te prende da primeira a última página, o autor conseguiu abordar temas sérios e evocar a reflexão sobre os mesmos sem trazer o desconforto que quebra o fluxo de leitura. Parte ... leia mais

Estatísticas

Desejam3
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 5.0 / 6
5
ranking 100
100%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

29%

71%

Penalux
cadastrou em:
14/08/2018 11:12:03
Penalux
editou em:
20/08/2018 10:04:09