Correio do Tempo

Correio do Tempo Mario Benedetti


Compartilhe


Correio do Tempo





Nostalgia, amor, desamor, alegria, abandono, lembranças do passado e reencontros. Mario Benedetti emprega toda a sua habilidade para compor, em Correio do tempo, uma coleção de breves relatos que é, ao mesmo tempo, um mosaico de sentimentos e estados da alma que só um escritor como ele é capaz de revelar.

São contos e cartas ficcionais em que se fala de encontros e despedidas, do distanciamento e da passagem do tempo. Neles, podemos ver a relação de um filho com os pais separados; a história de um menino incapaz de falar, mas que misteriosamente aprende as primeiras palavras; uma abordagem amorosa num bar; uma visita inesperada de um preso político ao seu algoz; e um relato, cheio de compaixão, de um homem preso por matar quem amava. São recortes precisos em que o autor, mesmo nos momentos mais duros, é capaz de aliar humor e, sempre, a possibilidade de redenção.

Contos / Ficção / Literatura Estrangeira

Edições (1)

ver mais
Correio do Tempo

Similares

(11) ver mais
O amor, as mulheres e a vida
Histórias de Paris
A Trégua
Primavera Num Espelho Partido

Resenhas para Correio do Tempo (9)

ver mais
As Lágrimas de um gênio
on 9/5/12


“Mas sei, que uma dor Assim pungente Não há de ser inutilmente A esperança...” O Bêbado e a Equilibrista - Elis Regina Na capa de “Correio do tempo”, uma mulher de pele branca e cabelos loiros está de camisola clara e no fundo de uma piscina. Essa imagem límpida inspira tranqüilidade a quem a visualiza. Na contracapa, no entanto, temos a outra metade dessa figura: a mão esquerda da mulher está pressionada contra a parede de vidro da piscina, pressionada com força suficiente para qu... leia mais

Estatísticas

Desejam78
Trocam2
Avaliações 4.1 / 228
5
ranking 39
39%
4
ranking 35
35%
3
ranking 24
24%
2
ranking 3
3%
1
ranking 0
0%

29%

71%

Claudia Luisa
cadastrou em:
28/04/2012 09:59:12