De Tancredo a Collor

De Tancredo a Collor Miguel Reale


Compartilhe


De Tancredo a Collor





Como tenho procurado participar, na medida de minhas forças, das mutações operadas no país desde o início da abertura democrática, julguei de bom alvitre reunir os pronunciamentos por mim feitos desde 1984, que talvez contribuam para chegar às raízes da atual crise.
Não pense o leitor que encontrará uma linha de coerência absoluta nas posições por mim assumidas ao longo destes últimos sete anos de vida republicana tão cheios de surpresas e perplexidades. Coerência houve sempre, todavia, no que se refere ao consoante propósito de analisar objetivamente os fatos e emitir um juízo em consonância com o interesse público.

Miguel Reale

Edições (1)

ver mais
De Tancredo a Collor

Similares


Estatísticas

Desejam2
Trocam1
Avaliações 2.0 / 1
5
ranking 0
0%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 100
100%
1
ranking 0
0%

71%

29%

Henrique
cadastrou em:
15/07/2012 22:22:19