Elegia

Elegia Pablo Neruda


Compartilhe


Elegia





Em dezembro de 1971, Pablo Neruda e sua mulher Mathilde, viajaram a Moscou na tentativa de descobrir na medicina soviética alguma cura à doença do poeta, o câncer. Durante essa viagem, foram gestados os poemas de Elegia, publicado postumamente em 1974. A cidade de Moscou - palco dos maiores sonhos revolucinários de Neruda -, assim como os amigos ausentes, mortos e desaparecidos, é objeto da homenagem última daquela que foi talvez a maior voz da poesia do século 20. Mas, se há afeto e saudade nos versos, há igualmente a inexorável presença da morte.

Edições (2)

ver mais
Elegia
Elegia

Similares

(1) ver mais
O Coração Amarelo

Resenhas para Elegia (2)

ver mais
Elegia – Pablo Neruda
on 13/11/09


Pablo Neruda (1904-1973) foi um grande poeta chileno, e uma das mais altas vozes poéticas do nosso tempo, misturando com maestria consciência política, lirismo e domínio de linguagem. Em 1971, Neruda e sua esposa viajam a Moscou à procura de opções de tratamento para o câncer do qual o poeta sofria. Durante essa viagem foram escritos os poemas que comporiam “Elegia”, livro publicado, postumamente, em 1974. Moscou (palco dos sonhos revolucionários do poeta), os amigos ausentes (mortos... leia mais

Estatísticas

Desejam10
Trocam2
Avaliações 3.8 / 88
5
ranking 30
30%
4
ranking 31
31%
3
ranking 31
31%
2
ranking 8
8%
1
ranking 1
1%

40%

60%

Helena
cadastrou em:
13/01/2009 10:28:48