Entre cirurgiões, tambores e ervas

Entre cirurgiões, tambores e ervas André Luís Lima Nogueira


Compartilhe


Entre cirurgiões, tambores e ervas


Calunduzeiros e curadores ilegais em ação nas Minas Gerais (século XVIII)




Este livro, uma etnografia histórica de grande interesse, transporta o leitor para o cotidiano das práticas de cura não oficiais das Minas Gerais no século XVIII, por meio de descrições detalhadas e muitos casos específicos coletados nos arquivos mineiros. As inúmeras situações e personagens que povoam o livro servem para evidenciar a complexidade da sociedade colonial no que diz respeito à atuação de curadores e calunduzeiros, às concepções de doença e cura e ao caráter da repressão às práticas ilegais.

Mais do que isso, demonstra que havia um substrato de crenças bastante expandido: as “doenças de feitiço”. Esta expressão de época é um ponto central no texto, pois deixa patente uma concepção de doença distante da dominante nos meios médicos oficiais. Aqueles que sabiam manipular os feitiços eram temidos e figuravam também como alvo privilegiado da repressão.

História / História do Brasil / Sociologia

Edições (1)

ver mais
Entre cirurgiões, tambores e ervas

Similares

(17) ver mais
Curiosidade Mórbida
História Geral da Medicina Brasileira
A Assustadora Historia Da Medicina
História Dos Homens No Brasil

Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 0 / 0
5
ranking 0
0%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

50%

50%

Lucas
cadastrou em:
11/06/2016 12:51:44
Lucas
editou em:
11/06/2016 12:53:54

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR