O Leão e o Unicórnio

O Leão e o Unicórnio George Orwell


Compartilhe


O Leão e o Unicórnio


O socialismo e o gênio inglês




George Orwell é um fenômeno. Juntas, as suas principais obras, A Revolução dos Bichos e 1984, venderam mais cópias do que os dois livros mais vendidos de qualquer outro escritor do século XX. Uma grande parte da fama de tais livros se deve a maneira como o escritor britânico soube mesclar a literatura com a crítica política. Lançadas nos últimos anos de sua vida, tais obras se destacaram pela coragem com que Orwell atacou o totalitarismo, particularmente o stalinismo e o fascismo, em uma época onde boa parte dos regimes criticados ainda estava em plena operação. Apesar de ter atacado o comunismo russo (ou o que ele se transformou), Orwell também nutria clara simpatia pelo socialismo. Isso, por si só, explica como até os dias de hoje qualquer menção a sua obra suscita as mais acaloradas discussões nas redes sociais: afinal, que tipo de socialismo Orwell defendia?

A melhor resposta a esta pergunta se encontra em um ensaio relativamente desconhecido. Foi em O Leão e o Unicórnio: O Socialismo e o Gênio Inglês, publicado em 1941, em plena Segunda Guerra, que Orwell parece ter deixado mais clara a sua real posição política. No ensaio vemos claramente que, a despeito de já ser um crítico ferrenho do comunismo nos moldes stalinistas, Orwell continuava acreditando que uma revolução socialista seria o caminho mais eficaz para garantir que a pessoa comum inglesa, a única entidade que contava com sua genuína adoração, pudesse ter uma vida melhor.

Ensaios / Política

Edições (1)

ver mais
O Leão e o Unicórnio

Similares


Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 0 / 0
5
ranking 0
0%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

100%

0%

raph
cadastrou em:
17/11/2021 23:00:47
raph
editou em:
17/11/2021 23:01:14

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR