Todas as Coisas Que Eu Já Fiz

Todas as Coisas Que Eu Já Fiz Gabrielle Zevin


Compartilhe


Todas as Coisas Que Eu Já Fiz (Trilogia Birthright #01)





Nova York não é um lugar bacana no ano de 2083. Chocolate e café são ilegais, a água é cara e os banhos não podem ultrapassar 90 segundos, a comida é racionada, ninguém tem permissão para ter celulares, e-mails são pagos e todos os menores de 18 anos têm de obedecer a um rígido toque de recolher.
Anya é filha de Leonyd Balanchine, um dos grandes chefões do crime organizado, cabeça da Balanchine Chocolate, responsável pela distribuição ilegal de chocolate e outras coisas mais, como tráfico de armas e operações pouco nobres no mercado negro. Leonyd morreu anos atrás, mas até hoje sua influência é sentida pela jovem, que apesar de querer distância dos negócios da família constantemente se vê recorrendo aos ensinamentos do pai para lidar com as situações que tem que enfrentar. E a vida de Anya não é fácil. Aos 16 anos, é ela quem cuida da avó, presa a uma cama, alimentada por tubos e definhando lentamente; do irmão, Leo, um doce rapaz de 19 anos com mentalidade de 8 desde que viu a mãe ser assassinada na sua frente; e da irmã Natty, 12 anos e verdadeiro prodígio da matemática. Entre as obrigações em casa e as tarefas da escola, Anya não tem muito tempo para se meter em encrencas sérias.
Mas tudo muda quando ela é acusada de envenenar com uma barra de chocolate seu ex-namorado, Gable Arsley. O rapaz espalhou boatos maldosos sobre Anya, razão mais que suficiente para a jovem ser considerada culpada, sobretudo quando é comprovado que a origem do chocolate está na família Balanchine. Sem nunca perder a cabeça e determinada a provar sua inocência, Anya começa a descobrir que por mais que tente é difícil fugir de sua herança: os Balanchine estão por trás de seus problemas com a lei, e ela se vê presa aos intricados negócios de seus tios e primos, gente que até gosta dela, mas que fará quase tudo para se dar bem e conseguir o que deseja.
A situação fica ainda mais complicada quando Anya se vê cada vez mais envolvida com Win Delacroix. Garoto romântico e encantador que faz lindos planos como, por exemplo, se casar com Anya, ele tem o grave defeito de ser filho de Charles Delacroix, promotor de Justiça que não quer saber de qualquer tipo de ligação com os Balanchine. Forçada a defender seus interesses e a tomar atitudes que vão contra o que acredita, cabe à menina proteger seus irmãos e impedir que seus parentes acabem destruindo uns aos outros. Nessa batalha, Anya terá a companhia de sua melhor amiga, Scarlet, mas terá que contar com seu próprio talento para a liderança e vocação para a estratégia para salvar o que ainda resta de sua família, em todos os sentidos, ainda que o preço a pagar seja alto demais.

Ficção / Distopia / Jovem adulto

Edições (2)

ver mais
Todas as Coisas Que Eu Já Fiz
All These Things I

Similares

(2) ver mais
Está No Meu Sangue
Na Era do Amor e do Chocolate

Resenhas para Todas as Coisas Que Eu Já Fiz (14)

ver mais
Protagonista excelente em uma distopia possível
on 2/1/13


Quando a Rocco lançou não conhecia o livro e não fazia ideia que Zevin estava trabalhando em uma trilogia distópica. Porém foi com grata surpresa que descobri uma sinopse bastante interessante. 384 Páginas depois posso dizer que a história criada por Gabrielle Zevin tem algo extremamente possível e assustador. O que a vontade de manter o controle a qualquer custo pode levar os governantes a fazer diante de uma crise. O mundo em 2083 mudou drasticamente devido a ... leia mais

Estatísticas

Desejam364
Trocam3
Avaliações 3.9 / 170
5
ranking 34
34%
4
ranking 32
32%
3
ranking 27
27%
2
ranking 6
6%
1
ranking 1
1%

6%

94%

Yasmin
cadastrou em:
30/06/2012 00:51:20
- bia !
editou em:
15/07/2016 19:47:51