Trópico de Câncer

Trópico de Câncer Henry Miller




Trópico de Câncer





Trópico de Câncer, publicado no ano de 1934, em Paris, foi imediatamente proibido em todos os países de língua inglesa. Tachado como pornográfico, o livro, assim como seu sucessor Trópico de Capricórnio, só foi liberado nos Estados Unidos e na Inglaterra nos anos 60, aclamado como parte da revolução sexual. Polêmicas à parte, Trópico de Câncer foi celebrado pelos maiores intelectuais da época e se tornou um dos grandes clássicos da literatura americana.

Samuel Beckett o saudou como "um evento monumental da história da escrita moderna"; George Orwell, mesmo não compartilhando dos valores morais de Miller, após a leitura de Trópico de Câncer reconheceu o autor como "o único escritor de prosa com algum valor que apareceu entre as raças anglofônicas em algum tempo". Outros nomes como T. S. Eliot, Ezra Pound e Lawrence Durrell também notaram rapidamente o talento de Miller.

Trópico de Câncer traz um relato autobiográfico e idiossincrático de Miller, que chega a Paris após abandonar nos EUA um casamento arruinado e uma carreira estagnada. Mesmo sem um centavo no bolso, Henry Miller é apresentado à boemia francesa e redescobre seu próprio talento em dias e noites de liberdade e alegria sem fim.

"O Miller que surge nesses livros é uma pessoa sincera e simpática, não vencida pela experiência; um homem com um insaciável apetite pelas realidades fundamentais e uma enorme capacidade de se surpreender com a própria inocência. Se há alguma mensagem em sua obra é de alguém que, contra todas as possibilidades e apesar da maioria das provas, pede ´mais´ à vida", afirma o escritor Robert Nye. "Miller é um dos poucos escritores modernos que podem levar o leitor às lágrimas apenas pela pressão de seu sentimento.



Fonte: Submarino - http://www.submarino.com.br/produto/1/1695814?franq=136855

Edições (9)

ver mais
Trópico de Câncer
Trópico de Câncer
Trópico de câncer
Trópico de Câncer

Similares

(9) ver mais
Henry & June
Factótum
Trópico de Capricórnio
Coma de 4

Resenhas para Trópico de Câncer (22)

ver mais
Paris como nunca vista antes.
on 8/5/09


Meu favorito, de todos os livros que já li. Ao contrário de que muitos pensam, e criticam de maneira errada, trópico de câncer não é de maneira alguma um livro erótico. Eu diria que ele é apenas um livro que tentou mostrar a realidade, não só da Paris dos anos 30 tão idealizada por muitos, mas como a própria realidade de Miller, um pouco mistificada em seus livros. Vai da prosa caótica e violenta, vulgar e sensacionalista, á poesia, doce e carregada de esperança e de determinação d... leia mais

Estatísticas

Desejam358
Trocam21
Avaliações 3.9 / 741
5
ranking 38
38%
4
ranking 31
31%
3
ranking 20
20%
2
ranking 8
8%
1
ranking 3
3%

42%

58%

*gisela
cadastrou em:
07/01/2009 12:14:13