O Filho Antirromântico

O Filho Antirromântico Priscilla Gilman


Compartilhe


O Filho Antirromântico


Uma História de Alegria Inesperada




Quando Benjamin, primeiro filho da professora de literatura Priscilla Gilman, começou a reconhecer todo o alfabeto com apenas catorze meses e, aos dois anos, ler livros inteiros, não houve alarme, pelo contrário: os pais, dois literatos, regozijaram-se com a precocidade do filho. Mas logo os demais sintomas — hipersensibilidade auditiva e dificuldades motoras, sensoriais e sociais — tornaram-se incontornáveis: o garoto sofria de hiperlexia, transtorno de desenvolvimento associado ao autismo. A autora revolucionou a vida da família para ajudar o filho a superar suas muitas dificuldades. Sua dedicada atenção de mãe rendeu este relato que vai agradar todos os tipos de leitores.

Edições (1)

ver mais
O Filho Antirromântico

Similares


Resenhas para O Filho Antirromântico (1)

ver mais
Priscila Gilman relata a hiperlexia de seu filho em “O Filho Antirromântico”
on 26/7/15


Uma criança especial acaba mudando a rotina e os planos originais de uma família e é normal que os pais procurem ajuda para a criança e também para si. Esse livro passa longe de ser um manual – ele nem tem essa intenção. Priscila fala sobre a descoberta da hiperlexia em Benji, a troca dos profissionais que acompanhavam seu filho, e como a leitura (apontada como sintoma da doença) ajudou seu filho a superar as dificuldades da hiperlexia. Mas ela também ressalta o impacto na sua vida ... leia mais

Estatísticas

Desejam28
Trocam1
Avaliações 4.4 / 7
5
ranking 71
71%
4
ranking 14
14%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

15%

85%

Marcos
cadastrou em:
12/03/2015 16:04:40