Para depois que eu partir

Para depois que eu partir Heather McManamy
William Croyle




Para depois que eu partir


A emocionante história real de uma mãe com câncer terminal e as mensagens que deixou para a filha q...




Com trinta e cinco anos, após ser diagnosticada com câncer de mama em estágio terminal, Heather McManamy sentiu como se sua vida estivesse desmoronando. Sua rotina virou de cabeça para baixo e foi substituída por várias cirurgias e dezenas de sessões de quimioterapia que poderiam estender um pouco mais sua vida, mas não impedir a morte iminente. Com espírito vivaz e uma nova perspectiva, Heather começou a experimentar cada dia como se fosse o último. Ela aprendeu a aproveitar cada momento, apreciar a beleza ao seu redor e agradecer por suas bênçãos. Ponderou também a respeito da jornada futura de sua filha sem a mãe e, com dignidade, fez os preparativos para isso. Heather começou a escrever mensagens comemorativas para a filha,

Brianna, com quatro anos na época. Mensagens para o seu primeiro dia de escola, para o seu aniversário de dezesseis anos, para o dia de seu casamento. Mensagens para quando as coisas estivessem indo bem e para quando não estivessem. Mensagens para quando Brianna precisasse de sua mãe – fosse dali a cinco ou a cinquenta anos – e Heather já não estivesse mais lá para lhe dar apoio.

Para depois que eu partir é a história do poderoso amor de uma mãe por sua filhinha. E as incomparáveis experiências ​​de Heather, permeadas de humor e elegância, são um lembrete para que não tomemos como certo e seguro um dia sequer.

Biografia, Autobiografia, Memórias / Literatura Estrangeira / Não-ficção

Edições (1)

ver mais
Para depois que eu partir

Similares

(4) ver mais
A Culpa é das Estrelas
A Culpa é das Estrelas
Os Cães Nunca Deixam de Amar
P.S. Eu Te Amo

Resenhas para Para depois que eu partir (9)

ver mais
Para depois que eu partir é sobre viver.
on 5/8/17


Para depois que eu partir - Heather McManamy ? Editora: @universodoslivros ? Nota: você vai chorar ? A história de Heather poderia ser trágica igual a muitas outras : câncer, careca, morte. Mas não, Heather tinha uma filha muito nova quando foi diagnosticada. Então fez diferente, sua meta era estar com sua filha Brianna em todos os momentos, então escreveu cartões, para cada situação que Brianna tivesse que passar. ? É uma história real. Heather realmente se foi. Horas depois de ter en... leia mais

Estatísticas

Desejam147
Trocam4
Avaliações 4.3 / 61
5
ranking 56
56%
4
ranking 34
34%
3
ranking 5
5%
2
ranking 3
3%
1
ranking 2
2%

7%

93%

Daiane
cadastrou em:
31/01/2017 19:38:08
Vivi
editou em:
19/06/2017 18:00:29
Vivi
aprovou em:
19/06/2017 18:07:41