O Futuro da Humanidade

O Futuro da Humanidade Augusto Cury




PDF - O Futuro Da Humanidade


Primeiro romance do psiquiatra Augusto Cury, "O Futuro da Humanidade" oferece uma rara oportunidade de repensar a sociedade e o rumo de nossas vidas. Cury nos presenteia com uma saborosa ficção que ilustra os ensinamentos presentes em seus livros e se apóia na sua vasta experiência profissional. Esta obra conta a trajetória de Marco Polo, um jovem estudante de medicina de espírito livre e aventureiro como o do navegador veneziano do século XIII, em quem seu pai se inspirou ao escolher seu nome.



Ao entrar na faculdade cheio de sonhos e expectativas, Marco Polo se vê diante de uma realidade dura e fria: a falta de respeito e sensibilidade dos professores em relação aos pacientes com transtornos psíquicos, que são marginalizados e tratados como se não tivessem identidade. Indignado, o jovem desafia profissionais de renome internacional para provar que os pacientes com problemas psiquiátricos merecem mais atenção, respeito e dedicação - e menos remédios. Acreditando na força do diálogo e da psicologia, ele acaba causando uma verdadeira revolução nas mentes e nos corações das pessoas com quem convive.





O Futuro da Humanidade

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Vídeos O Futuro da Humanidade (1)

ver mais
ÁudioLivro. O futuro da humanidade

ÁudioLivro. O futuro da humanidade


Resenhas para O Futuro da Humanidade (204)

ver mais
A sociedade está doente


Neste primeiro livro de Cury, os passos do estudante de Medicina Marco Polo encontram-se com o do mendigo Falcão, supostamente, um sábio. No decorrer da história, os dois debatem temas pertinentes sobre a essência humana, o poder da psique, a destruição das emoções, a "ditadura da hipótese" e o sistema social doentio em que vivemos. Deve-se ressaltar que a primeira metade do livro é muito boa, os pensamentos do autor são bem apresentados através dos personagens o que acaba tornando ...