Flores ao Mar

Flores ao Mar Lavínia Rocha
Olívia Pilar
Solaine Chioro
Lorrane Fortunato




Resenhas - Flores ao Mar


10 encontrados | exibindo 1 a 10


thai 05/02/2020

Adorei!!
Leiam esse livro, cheio de representatividade e fala sobre questões importantes.
comentários(0)comente



Bruh 12/03/2020

Uma boa oportunidade de conhecer auroras nacionais!
A narrativa da Olivia Pilar foi a melhor pra mim
comentários(0)comente



Luísa Fajardo - @lerpensando 03/01/2020

A união de quatro ótimas autoras só pode resultar num bom livro!
Flores ao mar é uma coletânea de quatro contos, relacionados entre si, sobre irmãs que resolvem fazer um cruzeiro na época do Réveillon. Cada conto é escrito por uma autora diferente e narrado na perspectiva de uma irmã, contando sobre os seus dias nesse cruzeiro.

De formas diferentes, os textos todos abordam relações familiares, conflitos internos, amadurecimento, amor e companheirismo. É muito fácil se identificar com cada uma das irmãs, certamente com umas mais que com outras a depender de cada um, mas todas elas apresentam pensamentos e sentimentos comuns à juventude. Me vi muito no jeito extrovertido de Tulipa, na preocupação de Bromélia, na insegurança de Lírio e na irreverência de Violeta.

De maneira geral, gostei muito de todos os contos, achei uma leitura fluida e envolvente, uma ótima forma de eu mesma passar a virada do ano! Tiveram alguns pontos que me incomodaram em alguns dos contos, um quê de previsibilidade, mas nada que comprometa a obra. Recomendo a leitura imensamente e desejo sucesso às autoras, que admiro muito já há um tempo!
comentários(0)comente



João 06/01/2020

Definitivamente uma das melhores ambientações que já li, com personagens tão bem detalhado que senti como se já as conhecesse. Cada irmã Rios traz algo lindo para a narrativa, e foi maravilhoso ver como cada uma delas viveu sua própria aventura.

Apesar de adorar todos os contos, ?Bromélia? foi o meu favorito ??
comentários(0)comente



Thayna 06/01/2020

[...] E, embaixo daquela meia-lua de Ano Novo, eu só podia desejar que em algum momento nós tivéssemos a chance de compartilhar uma Lua inteira [...]
Flores ao Mar, foi uma leitura bem descontraída e leve. O livro é uma coletânea de quatro contos, relacionados entre si e cada conto é escrito por uma autora diferente.

Flores ao Mar, acompanha a viagem das irmãs Rios a um cruzeiro na época do Réveillon, cada conto é narrado por e pela perspectiva de cada irmã da família Rios. De uma forma fluida e leve, cada história trata de uma forma bem sutil relações familiares, amadurecimento, companheirismo e amor.

Ainda que sejam histórias bem curtinhas, conseguimos visualizar a personalidade de cada uma das irmãs, as autoras fizeram um trabalho incrível em criar essa sincronia entre uma história e outra. No geral, eu gostei bastante dessa leitura, amei acompanhar as irmãs Rios, (Bromélia e Lírio tem meu coração), são contos que te deixam com o coração quentinho e combina perfeitamente com essa época de festas. Recomendo demais a leitura!
comentários(0)comente



Matheus.Souza 07/01/2020

O fim de ano é definitivamente um período de troca de energias para o ano que se aproxima e as irmãs Rio—compostas por Bromélia, Lírio, Tulipa e Violeta—estão em um transatlântico para comemorar a data.

No entanto, o caminho das quatro vai percorrer por destinos improváveis e inusitados na coletânea “Flores ao mar”. A obra consegue, de forma sucinta, unir de forma empática o leitor e quatro gerações de irmãs, com todas suas diferenças.
Não importou se estava acompanhando as reverberações de paranoias de Tulipa ou aventuras novas para Violeta, me mantive entretido durante todo o período da leitura.

As irmãs Rio, além de serem um protagonismo necessário, são personagens criados de forma delicada pelas quatro autoras. Sem dúvida, esse entrosamento foi mais um dos ótimos ingredientes de “Flores ao Mar”.

site: http://instagram.com/autormath
comentários(0)comente



Lethycia Dias 08/01/2020

As meninas Rios e a quebra de estereótipos
"Flores ao Mar" é uma coletânea de contos escritos por quatro autoras brasileiras e reúne as histórias de quatro irmãs negras que vão passar o ano novo em um cruzeiro no Rio de Janeiro.
Bromélia é a irmã mais velha, responsável e controladora, e está sempre tentando cuidar das irmãs mais novas. Lírio é a segunda filha; ela é tímida e quieta, tem medo de viver experiências novas e de se arriscar. Violeta, a terceira irmã, é descolada, diferentona, mas também tem suas inseguranças. E Tulipa, por fim, é a irmã aventureira, que sempre se mete em confusões porque adora viver novas aventuras.
Cada um dos contos é protagonizado por uma das irmãs, e as histórias se cruzam durante os últimos dias do ano até o momento da virada. Em um dia de passeio em terra firme, Lírio conhece um amigo virtual por quem está apaixonada, e decide viver esse amor. Enquanto procura o garoto de quem gosta, Tulipa suspeita de que uma coisa terrível pode acontecer no navio, e ela decide impedir. Violeta vive um amor de verão com uma garota misteriosa que trabalha no navio. Enquanto isso, Bromélia reencontra um amor do passado e precisa se desapegar um pouco de suas preocupações.
Meu conto favorito foi o da Tulipa. Lavínia Rocha criou uma personagem carismática e uma história divertida, que me fazia rir a todo momento. O final era previsível, mas isso só deixou tudo muito mais engraçado. No conto de Lorrane Fortunato, amei acompanhar Lírio e Vinícius em seu passeio. Eu me identifico muito com a Lírio e as questões que ela passa, e amei o desenvolvimento dela.
No conto "Violeta", de Olívia Pilar, senti que muitos assuntos foram abordados sem um foco específico. O que conduz a história é o interesse pela garota que Violeta conhece, mas apesar de torcer pelas duas, acabei me sentindo dispersa entre todas as coisas que acontecem e os temas abordados. "Bromélia" traz um outro lado, onde conhecemos o motivo de a irmã mais velha se preocupar tanto com as mais novas, e adorei conhecer a perspectiva dela.
É uma coletânea de leitura muito rápida, que traz uma representatividade muito positiva e diferente do que estamos acostumados a ver, com uma família negra rica e com protagonistas que circulam em espaços de privilégio onde pessoas negras são apenas trabalhadoras, nunca hóspedes ou clientes. As meninas da família Rios ultrapassam esse estereótipo e os quatro contos trazem situações em que essa reflexão se faz presente, como não poderia deixar de ser.

site: https://www.instagram.com/p/B7CcByMDbdQ/
comentários(0)comente



Aninha de Tróia 20/01/2020

Os contos são maravilhosos e muito divertidos. Amei os quatro, mas a Lírio e a Espolita são maravilhosas.
comentários(0)comente



Lucas.Marinho 04/02/2020

Ótimo começo de ano
4 estrelas
comentários(0)comente



Vivis 13/02/2020

Livro bem curtinho mas que tem uma representatividade negra importantíssima.
No livro vamos acompanhar a viagem das irmãs Rios num cruzeiro.
comentários(0)comente



10 encontrados | exibindo 1 a 10