O Visconde e a Preceptora

O Visconde e a Preceptora Diane Bergher




Resenhas - O Visconde e a Preceptora


9 encontrados | exibindo 1 a 9


Bruna @bibliotecavirtuaal 10/11/2021

Maravilhoso!
Michel Hartwell, o Visconde de Hambleden é um dos maiores libertinos de Londres, pulando de cama em cama com a promessa de jamais se apaixonar. Ele não quer cometer os mesmos erros do pai e não pretende se casar, passando o título para um primo distante, a quem ele julga mais merecedor. Mas tudo muda quando uma certa francesa chega em Londres.
Annette Delyon acaba de chegar a Londres como preceptora das filhas de uma velha conhecida. Arrumando assim, uma desculpa perfeita para fugir de seu país e de seu passado. Mas as coisas acabam saindo de controle quando o Visconde de Hambleden se torna o tutor das crianças. Será que o passado irá bater à porta?
Esse é o último livro lançado até agora dessa série e já estou sentindo falta. Acabei me apegando muito a essa série e não vejo a hora do próximo livro chegar. Como sempre a escrita da autora é impecável! Ela nos transporta para um história fluida e envolvente. É um livro bem rapidinho de ler, mas muito bem descrito e não tem como não se apaixonar pelo enredo e personagens.
Annette é uma moça determinada que não mede esforços para conseguir fugir de um futuro que foi imposto à ela. Desde sua chegada, Michel já se encanta por ela e é quando eles passam a primeira noite juntos, que ele tem certeza que a quer para sempre.
Os dois acabam se apaixonando e com isso criam uma química perfeita. Michel não mexe esforços para tentar achar uma solução para se casarem e a ter só para si, mas o passado de Annette sempre paira sobre os dois. Ainda assim, desistir não é uma opção.
Essa série acabou me conquistando por conter histórias e mocinhas fora dos padrões e que, traz histórias escandalosas para época e sociedade. O que eu amo porque a autora consegue passar isso ao leitor, de uma forma muito prazerosa. O que nos faz refletir o quão recorrente isso devia ter acontecido naquela época. Simplesmente maravilhoso!
mai 10/11/2021minha estante
maravilhoso 0 estrelas




spoiler visualizar
comentários(0)comente



GlauciaK 26/08/2021

Essa história é maravilhosa !!!
Ah gente , como não gostar de uma história tão boa assim ?
A autora traz a história de um conde libertino ? , que adora sua vida de solteiro mas , que sabe respeitar uma mulher e enxergar suas virtudes independente de seus atos ... que zela pela família e que não quer seguir os passos errados do seu pai ...

Acontece que o visconde pela primeira vez se vê perdidamente apaixonado e justo por uma mulher de passado misterioso ... Ironia do destino ou não , ele terá que lutar pelo amor dela...

Amei demais e super indico essa história . Vocês também vão se apaixonar pelo Visconde ????????
comentários(0)comente



Cristiane.Rocumback 30/08/2021

Que fofo!
Um romance de época fofo, trama bem construída, inteligente e com ótimos personagens.

Um homem cheio de amor, zelo e senso de justiça. Despreza as regras machistas da sociedade e não almeja pelo casamento, mas ao conhecer a preceptora de suas sobrinhas ele se joga de todo nesse amor e ela retribui a altura...

Michel e Annete, lindos juntos.

Livro de leitura rápida, muito divertida e também tem seu lado sério quando ressalta o valor da família, da mulher, da paternidade/maternidade e os filhos. Amei essa história.
comentários(0)comente



Jess 17/09/2021

Fofo
Esse foi meu livro favorito da antologia, dei risadas e me apaixonei pelo casal, até os antigos personagens parecem mais soltos nesse. A relação de Michel com as sobrinhas foi fofo demais, já era de se esperar que fosse um bom pai.
comentários(0)comente



22/11/2021

?
Maravilhoso e divertido, casal autêntico e forte, estou encantada com essa história, fico feliz por essa antologia não parar nesse livro
comentários(0)comente



Joana.Maris 09/09/2021

Maravilhoso
Michel Hartwell, o Visconde de Hambleden,
é mais um que carrega o estereótipo de da libertinagem, algo tão comum na sociedade.
Entretanto, engana-se aquele que pensa que ele faz jus à este rótulo... Aliás, muito pelo contrário.. Afirmo com todas as letras que ele é um libertino "especial", uma vez que, jurou pra si mesmo que jamais se casará, para que não venha a cometer os mesmos erros do seu pai, que, mesmo em meio ao matrimônio, se envolvia com amantes
Se por um lado, Michel já definiu os passos da sua vida amorosa, nas outras questões do Viscondado ainda há muito a ser feito, principalmente no que diz respeito ao bordel L'amour Toujours, que agora, está sob sua administração.
Como se não bastasse tudo isso, Minerva, a irmã de Michel, o convoca para mais uma missão: a de cuidar de suas sobrinhas, enquanto a jovem realiza uma viagem.
Sem poder recusar, Michel aceita a proposta de Minerva e logo que chega à casa da irmã, se vê fascinado pela beleza de Annete Delyon, a jovem preceptora das meninas.
E agora, quais surpresas o destino reservará para eles?
No quarto volume da Antologia Encantos de Amor, Diane, mais uma vez, arrebata os corações de seus leitores...
Esta é uma estória de amor que mostra que o amor pode surgir quando menos se espera e ir além, desafiando as nossas próprias convicções.
"Amor. Ele a havia chamado de amor..."
É ainda uma estória sobre a importância do amor próprio, nossos sonhos e liberdade.
A lagarta que se transforma em borboleta...
Sobre uma mulher que deseja se desprender de seu passado doloroso e voar em busca da VIDA, tendo o mais doce e lindo dos sabores: o do AMOR.
Sobre duas pessoas distintas que se completam...
"Ali, diante dele estava uma mulher que sentia muito mais que outra qualquer e que havia sido feita do mesmo bairro que ele. Ela era a sua Eva."

Super recomendo a leitura!







comentários(0)comente



AlechandraClio 27/08/2021

O ex libertino e sua artista
Nesse quarto livro da Antologia Encantos de Amor, é apresentado o Michel, um Visconde que tem um coração enorme e buscar redimir os descasos de abandono de seus irmãos bastados por parte de seu pai.
O que se destaca nesse personagem é a forma como ele possui uma dualidade: ser complexante e ajudar a irmã em se casar com quem ama e fugir do mesmo sentimento que para o mesmo, não tem sentido.
Poderia um libertino convicto mudar?
Seria entregue fielmente a um sentimento que sempre lutou e jurou não se entregar ao mesmo?
Bem a momentos e circunstancias que faz mudanças drásticas em uma pessoa e não foi diferente para ele.
Mais a nossa heroína que a Bergher apresenta em mais uma noveleta, é diferente pois Annette vai contra a mare de empecilhos que a sociedade machista patriarcal impõe na vida de uma mulher.
Agir com toda a coragem e fugir de um destino que ela não desejou, foi corajoso. Alias as mulheres nas histórias da autora tem esse perfil, de lutar e buscar a sua felicidade ,não importa as dificuldades que venham enfrentar. Lutar e nunca desistir!
Outra mulher de destaque nessa história e que merece voz em seu próprio livro, é Minerva.
Se você deseja uma história que o protagonista é sem frescuras, sem se importar com o que os outros possam dizer e o julgar por ser transparente em seus sentimentos, essa história é perfeita para você. Michel é tudo isso e mais um pouco.
Temos mulheres fortes e que lutam por suas escolhas e voz de decisão, cenas hots na medida certa, enredo que prende do inicio ao fim e amor.
Recomendo a leitura.
comentários(0)comente



@lendosonhando 30/08/2021

Michel é um libertino, mas engana- se que ele possa ser definido apenas como um boêmio irresponsavel. Ele é protetor com sua família, ajuda os meio irmãos e tem consciência da posicão privilegiada que tem como nobre e como homem em uma sociedade machista.
Annete por sua vez é uma mulher que está lutando contra o destino que lhe é imposto e está disposta a pagar o preço, mesmo que isso signifique uma vida solitária e cheia de segredos.
Amei esse livro e toda a complexidade dos assuntos abordados na narrativa, além dissi mais uma vez a autora me surpreendeu em relação a forma como resolveu o grande empecilho que separava o casal.
Sério! Eu nem cogitei aquela possibilidade! A química do casal é muito palpável mas também permeada por muito respeito, confiança e reciprocidade. E o que falar dos alívios cômicos?
Ainda gargalhando com o diálgo sobre os charutos ! Super recomendo!
@lendosonhando
comentários(0)comente



9 encontrados | exibindo 1 a 9


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR