O Aprendiz de Feiticeiro

O Aprendiz de Feiticeiro Mario Quintana




Resenhas - Aprendiz de Feiticeiro


4 encontrados | exibindo 1 a 4


Ana 11/01/2020

Quintane-se!
"A casa de Cecília, que fica sempre em outra parte". (Poema Casas, pg. 28)

O aprendiz de feiticeiro está entre os cinco primeiros livros de Quintana. Com seus 31 poemas, chama a atenção para a maturidade e o processo criativo consciente em que já estava o autor.
Em títulos como "O poema" (pg. 26); "Casas" (pg. 28); "O poema do amigo" (pg.32) e "O poema" (pg.40) essa consciência do fazer poético brota em cada palavra. Meu predileto acaba sendo "Casas" o qual ele dedica a outra grande poeta: Cecília Meireles.
Certamente indicaria a leitura, a releitura, a análise, a paráfrase... Enfim, "Quintane-se!"
comentários(0)comente



Giselle 18/02/2018

A poesia do Mario Quintana fala sobre o cotidiano, mas da maneira mais sutil e delicada, um olhar que poucos tem. Esse foi o livro mais triste que li dele. A linguagem se aproxima do surreal, do fúnebre, da nostalgia, com um olhar voltado para o entendimento e surpresa com a morte e a vida.


Deb's Bertolo 20/01/2018

Muito bom.
Livro com poemas do cotidiano de Mário Quintana. Poemas sempre te fazem refletir, vale muito a pena.
comentários(0)comente



João Luiz 28/08/2017

O Aprendiz de Feiticeiro é o quinto livro de Mário Quintana, com poemas do cotidiano muito bem escritos. Vale muito a pena ler.
comentários(0)comente



4 encontrados | exibindo 1 a 4