Vertigo 20

Vertigo 20 Scott Snyder...




Resenhas - Vertigo 20


1 encontrados | exibindo 1 a 1


. 30/12/2017

Registrando o que curti:
"Vampiro Americano" - Hattie Hargrove, ex-amiga e vítima de Pearl Jones, está no encalço dela para uma vingança (a mina é daquelas sanguessugas psicopatas). Enquanto isso, Pearl e Henry lutam contra vampiros europeus como um casal inusitado (vampira e humano). Ainda não sabem que são alvos de uma caçada.
Um registro para algo que não sabia... O Vampiro Americano (título da série) não é exclusividade para Skinner, referindo-se a uma nova e mais poderosa raça vampiresca representada por ele, o pioneiro, por Pearl Jones e agora a Hattie. Uma monstruosidade querendo acabar com a outra e de quebra, em luta constante contra os vampiros europeus. Sandice que estou gostando de conferir. Dessa vez, o ponto mais atrativo em minha leitura.

"Escalpo" - Ô deprê! A história desviou do foco inicial (mortes do agente federal na reserva indígena nos anos 70 e da mãe de Dash, além da investigação contra o cassino e tráfico encabeçado por Corvo Vermelho) para centrar os dramas pessoais de Dash e Carol, que juntos começam a mergulhar em algo mais desesperador, as drogas. A HQ conta um pouco mais de seus traumas.

"Viking" - Um pouco desapontado com o fim da série. Voltamos ao personagem inicial, Sven, encontrando-o envelhecido, retirado para um lugar ermo com a família e exaltado em lendas locais. Um grupo de jovens nórdicos parte em seu encalço para construir fama em cima da derrota do velho e lendário viking. Eita! Os roteiristas muitas vezes complicam as coisas e deixam em suspenso o desenrolar a critério da percepção dos leitores. Que houve afinal? Parece que o velho Sven virou lenda literalmente, sugestionando-se que morreu numa luta fatal, mas levou junto os jovens agressores na queda de um precipício.

As outras HQs são para quem curte.
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1