Quem é Jesus?

Quem é Jesus? R. C. Sproul




Resenhas - Quem é Jesus?


3 encontrados | exibindo 1 a 3


Filipe 20/03/2019

Quem é Jesus?
O autor constroi o retrato de Jesus sob todas as óticas, seja na do cristão ou de pessoas que não acreditavam em Cristo. Com muitos estudos a respeito de como Cristo era conhecido, você compreenderá a divindade ou caracteristica do personagem mais conhecido de todos os tempos. O livro certamente te ajudará a compreender ou conhecer melhor quem é Jesus, através de uma linguagem simples e agradável.
comentários(0)comente



DIÓGENES ARAÚJO 20/06/2018

Uma abordagem ampla sobre quem é Jesus
Uma abordagem diferente sobre quem é Jesus.
Aborda caracteristicas humanas e divinas da pessoa de Jesus, além de refutar linhas teológicas sobre um Jesus racionalista e humano.
Uma leitura teológica que esclarece a figura divina de Jesus Cristo.
comentários(0)comente



Luiz Augusto 01/01/2013

Um livro que alegra a alma
Terminei de ler o livro "Quem é Jesus?" de R. C. Sproul... Que livro bom! Tive horas de grande alegria ao lê-lo, de tal forma que foi difícil fazer qualquer outra coisa antes de terminar a leitura. Este livro não é exatamente um daqueles que impressionam pelo erudição e densidade teológica, mas certamente é um livro ótimo na exatidão e, principalmente, um daqueles livros que alegram a alma do crente quando lê. São assuntos simples, até muito conhecidos, com alguns poucos versículos de referência e talvez até um pouco diferente do que um bom estudante de teologia é acostumado, mas certamente o assunto é glorioso. Há algo que alegra mais a alma do responder a pergunta "quem é Jesus?".

Além disso, é um livro muito bom para presentear aquele tipo de pessoa cética, liberal e que não acredita na bíblia. Certamente não será um presente que fará uma argumentação filosófica ou histórica acerca da autoridade e inerrância das escrituras ou doutrinas bíblicas, mas cumprirá bem o papel de arauto da verdade com uma linguagem adequada para esse tipo de pessoa. Ao final do livro "alguém pode até rejeitar a idéia, mas não o fato de que ela foi proclamada" pelos que foram testemunhas da vida, obra, morte, ressurreição e ascensão de Cristo (pag. 108).
comentários(0)comente



3 encontrados | exibindo 1 a 3