Lost Boys

Lost Boys Lilian Carmine




Resenhas - O Verdadeiro Amor Nunca Morre


29 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Clau 18/09/2019

O menino fantasma??
Ainda estou no começo desta otima leitura.... pela primeira vez comprei um livro sem ler a sinopse... fui somente pela capa - que já é linda - comecei a ler e fiquei me perguntando o que o menino Tris era .... quando descobri uaaauu ... estou AMANDOOO

comentários(0)comente



Sarinha 10/07/2019

Maravilhoso
É um dos melhores livros que ja li em toda minha vida?
comentários(0)comente



Beatriz Carrazy 12/04/2019

História Linda De Romance
Eu amei cada capítulo do livro e principalmente o romance do casal principal.
Joe Gray e Tristan formam um casal apaixonante que nos conquista a cada página.
De forma engraçada e ao mesmo tempo cheio de aventura, o livro nos contagia.
Acabei de ler o livro hoje e já estou sentindo saudade dos personagens. Infelizmente só o primeiro livro está traduzido para o português e os outros da sequência estão em inglês.
Estou ansiosa para os outros dois da sequência serem traduzidos.
A amizade deles é muito linda.
Recomendo muito a leitura.
comentários(0)comente



Lucas.Rosa 27/02/2019

Poemas de amor
Lindo, perfeito.
Romance adolescente recheado de boas atitudes, sentimentos verdadeiros e a busca pelo amor. Sente-se magia em cada página.
Recomendo.
comentários(0)comente



Bebelly 20/02/2019

Superou
Tenho que admitir a capa me atraiu, porém eu não estava esperando que fosse tão bom!!!
comentários(0)comente



Isabela.Luccas 02/10/2018

Já estou com saudades dessa leitura
Desativei meu blog faz um bom tempo.... Com ele, perdi a vontade de retornar as leituras e voltar a me apaixonar pelos personagens.

Como uma reviravolta na minha vida, decidi começar a leitura de Lost Boys, um dos vários livros que estão na minha estante faz bastante tempo.
Foi aí que eu me apaixonei de novo.

Sou fã de romances sobrenaturais, acredito que tenha sido por isso que comprei o livro faz alguns anos.

Joey e Tris me encantaram de uma forma que me fizeram rir, sorrir e chorar. Me apaixonei por Sam, Seth, Josh e Harry (depois lendo os agradecimentos eu finalmente entendi porque simpatizei tão rápido com eles kk).

A autora me fez voltar na minha adolescência, senti falta de quando era ingênua e cheia de ansiedade por novas descobertas.

É uma história leve, nada clichê e fiquei feliz de estar recomeçando minha vida com essa leitura. Infelizmente não temos a coleção completa lançada no Brasil. Só encontrei em inglês, o que ficou inviável de comprar no momento... Infelizmente.

Mas mesmo assim, Lost Boys me surpreendeu.
comentários(0)comente



Graziih 11/08/2018

Superou as expectativas!
Eu fui atraida pela capa desse livro assim que eu o vi. E depois que eu li a sinopse eu não consegui tira-lo da cabeça.
Assim que eu comecei a ler, eu me apaixonei.

Eu amo romance adolescente. Amo romance adolescente com um toque sobtenatural. Eu amo histórias de fantasmas. E esse livro foi tudo que eu esperava e um pouco mais.

É um livro fantástico que fala sobre amor, amizade e sobre aceitar coisas novas.

Eu sinceramente amei!
comentários(0)comente



Bruna.Nunes 13/07/2018

o livro conta a história de Joey Gray e sim, é nome de garoto – inclusive isso é citado várias vezes no livro – mesmo ela sendo uma menina. Ela acabou de se mudar para Esperanza porque sua mãe recebeu uma promoção do trabalho. Tudo começou quando Joey oferece ajuda para uma velhinha (Dona Violeta) até o cemitério e depois de ajuda-la acabou se perdendo e resolveu pedir ajuda quando avistou Tristan.



“E foi então que eu o vi. Um garoto há apenas alguns metros de distância. E era bonito”.



Joey se apresentou pra Tristan que de início parecia estar meio assustado, mas eles começaram a conversar e Joey então passou a visitar Tristan sempre. Com o passar do tempo, ficaram cada vez mais próximos e acabaram se apegando um ao outro.



Na noite da virada do Ano Tristan convida Joey para passar com ele e ela decide ir, mas as coisas acabam ficando mais sérias e segredos são revelados. Joey descobre o segredo de Tristan sobre ser um fantasma e involuntariamente acaba lançando um feitiço sobre ele que o faz voltar a ser humano, descobre aí que tem sangue de bruxa.



"- É melhor sentir dor e estar vivo do que não sentir nada. - ele disse em voz baixa. - Estar morto é uma droga."



Como Joey lançou um feitiço eles acabam tendo um elo mágico e Tristan tem que entrar na escola nova de Joey junto com ela. Nesse tempo eles fazem vários amigos (sendo eles Seth, Josh, Harry, Sammy e Tiffany) e vivem várias coisas até que descobrem que um preço tem que ser pago por Tristan voltar a vida.



“Nem em um milhão de anos eu teria imaginado fazer parte de um grupo tão incrível de amigos.”



O que me chamou mais atenção no livro é que ele é um livro de romance sobrenatural que fugiu totalmente dos clichês! E não se focou apenas no romance, a amizade deles com o resto da turma, a ligação, eles formaram realmente uma família. Gostei muito dos personagens – me apaixonei por cada um para falar a verdade - Joey não é uma menina frágil, pelo contrário se demonstrou cada vez mais forte, Tristan me encantou cada vez mais, o personagem que mais evoluiu ao decorrer da história, sobre Seth, Josh, Harry e Sammy quero amigos assim, lindos, divertidos, companheiros... Tiffany mudou totalmente minha opinião sobre ela, me surpreendeu demais!


“A vida é tão cheia de possibilidades”





Acho que a Autora só devia ter focado mais em algumas coisas, momentos de extrema importância não foram tão emocionantes quanto eu esperava, faltaram mais detalhes. É um livro grande e a história toda se passou em um ano.



site: https://blogminhaf5.blogspot.com/
comentários(0)comente



Ninna 23/05/2018

É pedir demais um Tristan pra mim ?
comentários(0)comente



miny 30/08/2016

Achei cansativo a leitura,um arrastar muito devagar e a história fraca.
comentários(0)comente



Bea 22/08/2016

Tangerinas
Toda vez que como tangerina lembro dessa belezinha Amor é pouco perto do q eu sinto por esse livro ele com certeza é meu Favorito! Esperando pelo próximo ansiosamente...
comentários(0)comente



jaque Pereira 14/08/2016

Título: Lost Boys - O Verdadeiro Amor Nunca Morre
Meu primeiro livro Sobrenatural, realmente minhas expectativas eram bem altas com relação a este romance, mais sinceramente, o livro foi se desgastando no meio do caminho, o enredo começou interessante e me prendeu, me deixando curiosa a respeito do que aconteceria a seguir, os personagens me cativaram , mais alguns conflitos que renderiam muitas páginas foram resolvidos com uma rapidez alarmante, já outros que poderiam ser resolvidos facilmente, são demorados e desgastantes.

Bom, a história gira em torno de Joe Gray, uma menina de 17 anos, que sim, tem nome de menino, e isso e um coisa que ela nunca entendera, bom, sua mãe consegue uma proposta bem gorda de emprego em uma cidadezinha chamada Esperanza, e bem próximo a essa cidade tem um dos colégios internos mais conceituados do pais, onde apenas aqueles “filhos de papais” vão estudar.

Um belo dia, frio, como era de se esperar, afinal, estavam em dezembro, Joe resolve sair e conhecer a cidade, ela encontra uma senhora com um vaso gigante de flores que a velha senhora quer levar para o tumulo de seu marido, Joe gentilmente a ajuda, mais se perde no cemitério, e é neste momento que ela conhece Tristan Halloway, um garoto tão formal quando enigmático, apenas Joe consegue vê-lo, e isso o deixa muito encabulado, nisso, Joe nem suspeita que Tristan e um fantasma, e acaba nascendo uma linda amizade entre eles, ela vai visita-lo no cemitério sempre, e passam horas conversando, até que na noite de ano novo, acontece o que consideram algo impossível, nas exatas 00:00, quando Tristan conta para Joe que e um fantasma e pega na mão de Joe acontece uma explosão, e CABUMMM... Tristan agora e de verdade, de carne e osso, onde pode sentir as coisas, e todos podem vê-lo.

Joe e Tristan acabam indo para o mesmo colégio interno, e lá se passam por irmãos, e fazem super amigos, por um mal entendido na secretaria, Joe acaba caindo no dormitório masculino, e tem um amigão de quarto, o Seth, mais lá também, ela faz, de cara, uma inimiga, Tiffany, a mimada rica, que tem todos aos seus pês, a vida não será fácil para os “irmão Gray’ nessa escola, principalmente a parte de esconderem o que sentem um pelo outro.

O livro e muito gostosinho, como já disse, mais do meio para o fim, foi dureza acabar de ler, foi ficando puxado demais, lento demais, mais não que eu não o recomendo, ao contrário, e uma história incrível do início ao fim.

PS1: A autora poderia ter colocado alguns ele mentos a mais, tipo, Tristan tem mais 60 anos, não conhece nada desse mundo moderno.

PS2: Amei a capa, ele me conquistou primeiro por essa bela capa azul
comentários(0)comente



Nélio 05/04/2016

Eis um romance muito legal de se ler. A autora consegue nos prender com sua narrativa, os fatos são interessantes, a ideia agradou! O enredo gira em torno de uma menina que se apaixona por um menino fantasma, que ela encontra no cemitério e que devido a um feitiço sem querer da menina - que se descobre bruxa depois disso -, o garoto volta à vida. Aí é só "love" de adolescentes.
O que mais me agradou foi a narrativa, que vai nos envolvendo e nossa curiosidade vai sendo atacada a cada página para saber o que virá à frente, pois há um ser sobrenatural que quer buscar o garoto, para arrumar o que está errado com essa volta do fantasma.
Há algumas escorregadelas da autora, como por exemplo, a Joey personagem principal conseguir fazer com que todos fiquem bonzinhos... forçou a barra!!!.... Sua arqui-inimiga na escola torna-se sua amiga depois de uma conversa franca entre elas?!?!?!?! A autora não convenceu!
Mas fora pequenas coisas como essa, o livro me surpreendeu. É um romance desses que são escritos para jovens modernos pós Crepúsculo, mas que vale a pena ler.
Destaco também que o livro narra sobre a vida de adolescentes em um internato e sobre uma banca escolar que faz sucesso entre os jovens. Foi um passeio em um universo bem pensado pela autora. A leitura vale!
comentários(0)comente



Carol 11/05/2015

ruim
até começa bem mas depois só ladeira abaixo não recomendo
comentários(0)comente



Nicole Siebel 18/03/2015

Como acontece seguidamente com romances que leio, Lost Boys me chamou atenção pela bela capa, num tom de azul que é uma das minhas cores preferidas. A sinopse prometeu uma história que parecia no mínimo diferente de outras que eu vinha acompanhando, então achei que seria legal encarar essa leitura, especialmente porque queria uma leitura levinha.

O livro conta a história de Joe, uma menina com nome de garoto, que acaba de se mudar com a mãe para Esperanza. Em seu primeiro dia na cidade, ela vai dar um passeio e encontra uma velhinha que pede ajuda para carregar um vaso de flores que pretende dar ao seu marido.

Querendo causar uma boa impressão e ajudar a idosa, Joe a acompanha e descobre que o marido da velhinha, na verdade, está morto, pois segue a senhora até o cemitério. Lá, ela começa a passear e acaba se perdendo, mas encontra um garoto muito charmoso, chamado Tristan, que conversa com ela e a ajuda a encontrar o caminho para deixar o cemitério. Ele pede que ela vá encontrá-lo ali novamente e dessa forma, os dois se tornam amigos, pois Joe vai visitá-lo várias vezes.

Porém, Joe começa a se perguntar porque sempre encontra Tristan no cemitério e surgem diversas teorias, sendo que nenhuma delas está próxima da surpreendente descoberta a respeito dele que ela fará.

Quando comecei a leitura, logo me empolguei, pois o enredo começou interessante e me prendeu, me deixando curiosa a respeito do que aconteceria a seguir. Os personagens me cativaram, o texto fluía com uma ação rápida e isso me animou.

O problema é que o livro tem quase 500 páginas, mas não tem uma história que se desdobre a ponto de preencher esse espaço com algo realmente interessante. Então, há desencontros desnecessários entre o casal protagonista, assim como uma “enrolação” (desculpem o termo, não consegui encontrar outra palavra para definir) que cansa o leitor, pois fica claro que os problemas criados pela narrativa poderiam ser resolvidos muito mais facilmente. Por outro lado, situações em que poderia ter sido desenvolvido um conflito interessante foram resolvidas com facilidade demais, sem questionamentos ou oposição.

Assim, a impressão que tive foi de que a obra não foi bem planejada, nem bem revisada, pois diversos percalços no enredo poderiam ter sido cortados durante o processo de edição do livro, para que ele mantivesse seu ritmo acelerado e seus personagens em sintonia do começo ao fim.

Também achei desnecessário que o livro tenha continuação porque o final me pareceu bem conclusivo, apesar de ter sido bem morno. Isso, no entanto, vem sendo recorrente entre as séries que tenho lido, como Nevermore e Desafio, que pecam por se estenderem mais do que deveriam (ou talvez seja eu que esteja sem muita paciência para séries… Será?).

Sobre os personagens, preciso destacar que gostei bastante da personalidade decidida de Joey, que é ressaltada pelos posicionamentos dela diante dos acontecimentos. Também adorei os personagens secundários, que tinham personalidades bem diversas e cativantes, como Tiffani. Num primeiro momento ela parece ser a típica patricinha antagonista da personagem principal, mas ao longo do livro, descobrimos que ela não é exatamente assim.

Um problema durante a leitura, também, foram os diversos errinhos que encontrei na escrita, a maioria me pareceu com erro de digitação, mas algumas sentenças ficaram estranhas. E fiquei bem confusa com o fato de a autora do livro ser brasileira, mas ter escrito a obra em inglês.

Não pensem que ler Lost Boys seja uma tortura. Pode parecer que, ao apontar alguns defeitos na obra, eu tenha desgostado totalmente da leitura, mas não foi o caso. O livro promete uma “aventura musical e mágica” e cumpre a proposta, com uma história de amor bonitinha e personagens que tornam a leitura divertida. Logo, recomendo o livro a quem curte uma história de amor, com direito a altos e baixos, e procura por uma leitura de entretenimento.

RESENHA ORIGINALMENTE PUBLICADA NO PORTAL 42.

site: http://www.portal42.com.br
comentários(0)comente



29 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2