Trevo de 4 Folhas

Trevo de 4 Folhas Adelina Barbosa e Fernanda Medeiros




Resenhas - Trevo de 4 Folhas


4 encontrados | exibindo 1 a 4


spoiler visualizar
Ellem.NathAlia 08/11/2016minha estante
meninas algiém já oouviu falar no 3 livro ???




Paula | @paulaisreading 26/04/2016

Muito mais que um romance, um livro sobre encontrar a si mesmo
Spoilers do livro #1, Triângulo de 4 Lados.


Primeiramente devo dizer que Trevo de 4 Folhas consegue ser ainda melhor que seu predecessor, Triângulo de 4 Lados. O livro começa exatamente onde o anterior parou e logo ficamos sabendo qual a escolha da Sara, entre Rodrigo e Brent: nenhum dos dois, pelo menos por um tempo. Enquanto no primeiro volume temos uma protagonista insegura, em busca de seu amor não correspondido, a sequência nos apresenta uma Sara mais madura, tentando ficar confortável com a própria companhia, antes de entrar em um relacionamento, o que é maravilhoso de se ver em um livro voltado para o público juvenil, em uma época que se discute tanto o empoderamento feminino. Além disso, com a maior parte dos capítulos narrados pelo Rodrigo e pelo Matheus, podemos acompanhar o amadurecimento desses personagens também. Rodrigo se torna mais responsável, repensa algumas de suas atitudes, e sofre por não estar seguindo seu sonho na música (eu consegui inclusive criar uma pequena empatia com o personagem, uma proeza das autoras, considerando tudo o que ele faz no primeiro livro e o tanto que passei a odiá-lo rsrs). Matheus está cada vez mais inserido na empresa e na família Guano, mostrando sinais de confiança, embora ainda não compartilhe seu passado com ninguém. Brent continua introspectivo, sofrendo pela ausência da Sara, mas aceitando que ela precisa de pelo menos um tempo para se estabelecer sozinha. E não posso deixar de citar os personagens secundários, sempre interessantes e com alguns papéis fundamentais na trama, inclusive. Nesse livro também vamos acompanhar a evolução da banda do Rodrigo e do Matheus, e essa foi uma das partes que mais gostei. Adorei as letras das músicas e tudo o que foi apresentado sobre a banda, sempre deixando aquela vontade enorme de ouvir o som deles (Pfvr, existam! Enquanto não existem, vou ouvindo Scalene pensando neles haha). Os mistérios envolvendo o passado do Matheus, o relacionamento conturbado da Sara com sua mãe e também dos pais do Rodrigo são tão importantes no livro quanto o romance em si, e eu diria que até mais nesse segundo volume, o que só enriqueceu a história. A narrativa continua linda e poética, e a leitura flui sem dificuldades. Minha única reclamação (além do final abrupto que me deixou morta de curiosidade haha) é a pequena quantidade de capítulos narrados pelo Brent rsrs (mas isso é inteiramente pessoal, eu sei). Enfim, um livro essencial para todos que estão passando, ou já passaram, por essa fase de de auto aceitação e por todos aqueles que lutam por seus sonhos, não importa o quão difícil seja. Espero que gostem tanto quanto eu gostei.

site: www.secaoreservada.com.br
Ellem.NathAlia 08/11/2016minha estante
meninas alguém já oouviu falar no 3 livro ??? quero mt sabeo o nome e quando vai ser lançado




Gaby 11/05/2016

Resenha Trevo de 4 Folhas | Leio na Rede | Gaby Monteiro
Desespero, risos, choro, suspiros, raiva, mudanças de opiniões… Essas são algumas das reações que você terá ao ler Trevo de 4 Folhas, mas no final pode ter certeza que sua maior vontade será ler o último livro da trilogia e descobrir o desfecho dessa história.

Em Trevo de 4 Folhas reencontramos Sara, Brent, Matheus, Rodrigo e tantos outros. A maior diferença do segundo para o primeiro volume é a maturidade dos personagens. Sara está mais independente, segura, Rodrigo assume responsabilidades, Matheus nos mostra seu passado possibilitando nosso entendimento de seu comportamento e Brent toma algumas atitudes dolorosas para honrar sua palavra.

O foco desse volume é na banda e seu desenvolvimento e na vida individual de cada personagem, deixando os casais um pouco em segundo plano, porém prepare-se porque algumas cenas vão te tirar o fôlego… Conhecer individualmente cada um foi essencial para entender tudo o que se passa nesse emaranhado de sentimentos e é impossível você não se prender nessa teia e não sofrer junto dos personagens. Com a narração fluida e bela nos apaixonamos mais uma vez por Brent, Rodrigo e Matheus e perdoamos e entendemos alguns dos atos cometidos no primeiro livro, mas também criamos novas desavenças e decepções, que espero serem resolvidas no último volume.

Como sempre, a Editora D’Plácido fez bonito na diagramação e não só a capa está impecável com as silhuetas de Matheus e Rodrigo, como também o interior do livro. Mal posso esperar para conhecer a capa, o título e principalmente a história do livro que encerra essa trilogia. Já sei que Sara, Brent, Matheus e Rodrigo vão deixar saudades.

E para não perder o costume… #TeamBrent!

site: http://leionarede.blogspot.com.br/2016/05/resenha-trevo-de-quatro-folhas.html
comentários(0)comente



Geovana 06/09/2020

Chato
Tinha altas expectativas, mas nenhuma foi cumprida. O primeiro livro foi aceitável, mas esse não me cativou
comentários(0)comente



4 encontrados | exibindo 1 a 4


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR