Someone to Hold

Someone to Hold Mary Balogh




Resenhas - Someone to Hold


3 encontrados | exibindo 1 a 3


Isa_Oli 22/03/2017

Tocante
Eu fiquei muito tocada com esse livro... há uma mudança linda na persona de Camille e ela e Joel ajudam um ao outro o tempo todo a "se encontrarem" como pessoas. Eu vi tantas críticas antes de ler e estava super apreensiva... às vezes fico pensando se as pessoas entendem mesmo a escrita da Mary, porque chegam a conclusões duvidosas. Algumas pessoas escreveram que não sentiram que Joel se apaixonou por Camille, mas pra mim, a construção de um relacionamento e sentimentos foi nítida. A Mary vai revelando as coisas pra nós sob o olhar dos próprios personagens, só que narrado em 3° pessoa, o que faz tudo ser muito sutil. Então às vezes vc tem raiva de algum deles porque ela QUER que vc sinta exatamente o que o outro está sentindo sobre isso. Grande parte da história se passa no orfanato e Camille desenvolve um laço emocional muito forte com duas crianças e isso me deixou totalmente rendida... há duas partes que me fizeram chorar muito porque vc vê nessa cena duas coisas: A história de Camille sendo refletida na vida das duas meninas e uma própria Camille, que vivia sob um manto, sendo descoberta justamente pelo relacionamento e afetuosidade entre ela e essas meninas. E o Joel é simplesmente um fofo. Eu não tenho mais palavras pra dizer o quanto amei a construção da amizade e amor dos dois, além de dizer que foi mais que perfeito.
Lisa.Vieira 01/12/2017minha estante
Amei a resenha e concordo com você sobre a posição que algumas pessoas tomam, em relação à escrita da Mary.
Pra mim, ela é fabulosa. Sou apaixonada.
Terminei agora "Someone to love", e em breve lerei esse.

?


Renatta 06/04/2018minha estante
Alguém por favor me enviem essa série. Não estou achando nem inglês pra ler. Me ajudem.


Fran 16/03/2019minha estante
Adorei sua resenha. E sim, é lindo ver a transformação da Camille, suas descobertas sobre si e sobre o amor. Adoro a escrita da Mary, sempre muito sutil mas, muito intenso. Joel é maravilhoso.




Regiane Moreira 23/03/2019

Superou muito o primeiro
No primeiro da série não consegui me encantar muito com os protagonistas, ao contrário da Camille e do lindo Joel, o que é muito engraçado, pois no volume anterior não gostei de nenhum dos dois.
Mas nesse enredo primoroso da Mary Balogh, consegui entender todos os porquês de suas atitudes. Consegui sentir a verdadeira mudança de Camille e o encantamento gradual do casal.
Adorei poder ter mais contato com as crianças do orfanato... e me senti realmente tocada pela atitude do casal.
Tanto que me transportei para as páginas do livro para tentar fazer mais por aquelas doces crianças.
Comovente e lindo... recomendo

site: https://meupitacoliterario.blogspot.com/
comentários(0)comente



Jenn 04/03/2018

mary nunca decepciona
uma história cheia de aprendizados, em lágrimas só isso a dizer
comentários(0)comente



3 encontrados | exibindo 1 a 3