Mais que perfeitos

Mais que perfeitos Elizabeth Bezerra




Resenhas - Mais que perfeitos


6 encontrados | exibindo 1 a 6


Gabi e um livro 26/12/2018

Muito gostoso de ler
Uma leitura leve, rápida e gostosa. Com personagens cativantes e um enredo diferente. Como principalmente algumas almas parecem destinadas a serem o para sempre, Cassy e Scott com toda a certeza são um encontro de almas por meio da Bem-Casados.
comentários(0)comente



Vanessinha 25/12/2018

Muito fofo!
O livro é contemporâneo e apesar do primeiro encontro ser arranjado por uma agência, o desenvolvimento do relacionamento nos conflitos é bem verídico. O casal funciona muito bem junto. Os momentos hot são todos muito românticos sem nenhum apelo para vulgaridade ou manias estranhas. Por isso, também agradaria até quem não gosta de hot.
Super indico para quem gosta de histórias de amor fofas.
comentários(0)comente



Lizete_Silva 22/10/2018

Encantada
Simplesmente encantada com esse novo trabalho da autora, uma história leve e muito divertida, com leitura rápida o livro é daqueles que te faz suspirar com o final e já cria expectativas para os próximos lançamentos.
comentários(0)comente



Lisse 31/05/2018

É mais que perfeito

Quando soube do lançamento desse livro não pude me conter em comprá-lo, porque na verdade os livros da Elizabeth já um tempinho tem sido aqueles que aparecem constantemente na minha timeline nas redes sociais, e dessa vez não me neguei. Só me atirei de cabeça!

Scott tem 36 anos, é um médico que não tem muito tempo na vida a não ser fazer plantões no hospital e passar um pouco com seu amigo e o filho dele; mas isso muda quando sua amiga e chefe da enfermagem Candace o apresenta a um artigo numa revista que mostra um site de relacionamento que realmente promete um final feliz: a Bem-Casados.

Quote: "Um lar, filhos, me estabelecer em High Mountain. Ter um família. Eu desejo isso."

E na outra ponta desse futuro enlace temos a Cassandra Santini, natural da Itália, mas se mudou para High Mountain há quatro anos para cursar Artes. E que por medidas desesperadas aceita se inscrever na Bem-Casados para não acontecer o que ela mais teme na vida: perder a cidade, a amiga Jordan e as pessoas que tanto ama.

Quote: "Talvez muito em breve, em vez de me preocupar em fazer as malas, eu tivesse um lindo casamento para planejar".

Mas o amor para Scott não é tão fácil. Após passar por momentos difíceis e ter um amor não correspondido pela Allen Henderson ele se torna um tanto cético sobre se o sentimento que muitos anseiam pode ser tão bom assim. No entanto, após assinar os papéis do site não há como voltar atrás e começamos a acompanhar cada passo dado para sabermos se Scott e Cassy combinam.

Quote: "Amor á primeira vista. Provavelmente eu era uma romântica incurável e sonhadora. Mas eu tinha sentido uma ligação com Scott quando nem mesmo sabia o nome dele."

E já no primeiro encontro me apaixonei! Será que isso é possível? Talvez sim, pois a química do casal está lá e isso sempre me deixa com um pouco de medo... Mas a autora soube usar o local, assunto e palavras certas. Pronto! Eu estava apaixonada e acho que Scott e Cassy também
comentários(0)comente



Kelly Reis 16/05/2018

Romântico na medida certa
Como já escrevi na minha avaliação no Kindle: Uma leitura para aquecer corações!!!

Romance, humor, sexo e outros acontecimentos que fazem parte de um cotidiano de muitos casais apaixonados.

É uma leitura "clean" sem os exageros que estamos acostumados atualmente. Tem sexo sim, mas tem amor.
Tem um homem lindo, gostoso e até "rico", mas sem ser o "macho" que quer ser o dono da mocinha. Nada de ter um relacionamento abusivo e cheio de denominações.
Tem uma mocinha bonita, mais do tipo comum, à procura do seu par ideal? Tem sim, mas que é do tipo que não faz muitos dramas, tem ciúmes mas não entra em depressão por causa disso.

Resumindo: uma leitura simples mas que agradaria "Gregos e Troianos".
comentários(0)comente



Vânia 27/04/2018

Bem-Casados #1
Sou muita suspeita para falar desse livro porque parece até que a autora o escreveu para mim. O livro é do jeitinho que gosto: romântico sem ser piegas; sexy sem ser erótico; engraçado sem ser bobo.

Escrito em 1ª pessoa, o enredo traz a história de duas pessoas que, por motivos diferentes, se inscrevem numa agência de relacionamento, a Bem-Casados.
Primeiro tem o Dr. Scott.
Agora, ele é um médico bem-sucedido, depois de ter se dedicado aos estudos - enquanto seus amigos estavam na farra -, mas isso fez com que ele não tivesse o traquejo social para "chegar junto" das mulheres.
Calma! Ele não é virgem (pelamor!!), mas normalmente, se relacionava mais com mulheres estudantes de Medicina ou já formadas.
As pessoas ao seu redor, aquelas que o amavam - seus pais e a enfermeira Candance - estavam preocupadas por ele só viver para trabalhar, por isso é Candance quem apresenta a ele a agência, através de um artigo de uma revista feminina.
Candance é madrasta de Allen, que durante muitos anos foi o foco de paixão de Scott, mas ela nunca lhe deu uma segunda olhada (será que era porque quando mais novo ele estava acima do peso, usava óculos, aparelho nos dentes e tinha espinha?). Allen estava noiva do Dr. Marcus, cardiologista do mesmo hospital em que Scott trabalhava, o que dava a ele mais um pontinho na escala de dor de cotovelo.

Relutante a princípio ante à ideia de que um site possa saber mais do que ele como lhe arranjar uma namorada, Scott acaba cedendo e faz sua inscrição.

Dai, temos Cassandra.
Ela é proveniente da Itália e estava nos Est Unidos com um visto de estudante, fazendo um curso de especialização em Artes.
Ela aprendeu o ofício de artista plástica com sua avó, falecida um pouco antes de Cassandra viajar.
Como seu curso estava próximo de acabar, consequentemente, seu visto iria expirar, ela queria arrumar um jeito de ficar no país para sempre.
Sua melhor amiga, Jordan, cuja família de ascendência italiana recebeu Cassandra de braços abertos, dá a ideia da agência, também baseada na reportagem da revista. Se ela conseguisse se casar com um americano, poderia entrar com pedido de mudança de status.
Sem nenhuma outra opção, Cassandra se inscreve.

Scott e Cassandra se encontram.
A partir daí, percebendo uma certa afinidade (a aparência também ajudou), decidem seguir em frente, para se conhecerem. A agência, então, dá uma série de tarefas para que o casal se conheça em situações variadas.

Essa é uma parte importante da história, porque tudo de bom - ou de ruim - pode acontecer.
Algumas situações são tensas; outras, engraçadas, mas o mais importante é que o casal se mostra realmente interessado em ficar junto; os muros de prevenção vão sendo baixados e, a partir disso, era seguir e ouvir o badalar dos sinos da igreja.

Muito cedo ainda?
Sim, porque uma certa saia justa pode acabar com o sonho do 'felizes para sempre' deles, e agora, é saber: quem vai ceder primeiro?

Fofo, fofo, fofo.
A cena final... Sempre me pego com um sorriso idiota nos lábios, e, pelo que se dá para notar no epílogo, já dá para saber de quem será a próxima história.
Amadorei!!!
Posso dar mais de 5 estrelas?
comentários(0)comente



6 encontrados | exibindo 1 a 6