A History of Arab Peoples

A History of Arab Peoples Albert Hourani




Resenhas - Uma história dos povos árabes


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Ti 25/11/2019

Uma modesta introdução
Elogiada por leitores e críticos, "Uma História dos Povos Árabes", como é conhecida no Brasil, é uma obra que há um bom tempo estava em minha meta de leitura e acabou se tornando meu terceiro livro em inglês. Hourani, acadêmico inglês de origem árabe, cobre praticamente toda a história do mundo árabe (e de certa forma a sua maior criação, o Islã) dos primórdios até o final dos anos 1980, isto é, décadas antes dos marcantes acontecimentos recentes (Guerra do Golfo, 9/11, invasão do Iraque e Primavera Árabe). Sim, foi uma grande aula sobre um mundo e um povo até então não muito conhecidos por minha pessoa, mas também foi uma grande decepção. Imagine um livro que cubra a história do Brasil citando a escravidão em duas páginas... seria completamente absurdo, né? Pois esta obra simplesmente ignora os milhões de africanos sequestrados pelos ricos árabes para seus impérios! O mundo medieval árabe tinha plantações de café e cana, como o Brasil colonial e imperial, e o autor não se dá ao trabalho de nos explicar como e quem trabalhava ali. Além disso, o autor é menos crítico ao sofrimento dos cristãos árabes, que desde sempre nunca tiveram muita liberdade política e religiosa. Tirando estes detalhes, o livro vale a pena, mas sob uma leitura crítica. É um passo para aqueles que desejam entender essa parte tão curiosa, rica e ao mesmo tempo amendotradora do mundo moderno.
comentários(0)comente



Filino 02/07/2018

Repleto de informações
Uma obra bastante abrangente, que se inicia desde antes do profeta Maomé e termina no final dos anos 80 (o autor faleceu em janeiro de 1993). Vemos a origem do Islamismo e, a partir daí, a sucessão de califas e governantes de diversas dinastias (omíadas, abácidas, mamelucos etc.) até chegar no século XX, com o esfacelamento do Império Otomano, a independência dos países africanos e as diversas crises pelas quais passaram (e passam, ainda hoje) os povos árabes.

Um verdadeiro manancial de informações sobre diversos aspectos dos povos árabes: geografia, costumes, correntes religiosas, embates políticos... tem tudo isso e mais um pouco. A quantidade de informações é estonteante; o autor realizou um trabalho grandioso.

A obra conta com um posfácio datado de 2002, escrito por outra pessoa, com algumas atualizações sobre o que ocorreu desde o final dos anos 90 até pouco depois dos ataques de 11 de setembro de 2001. Aqui e ali é impossível disfarçar um sorriso de ironia ao perceber que alguns posicionamentos do autor do posfácio foram desmentidos, posteriormente, pelos fatos (como quando tratou de Saddam Hussein).

Ao fim, a obra apresenta uma lista contendo nomes de governantes árabes, bem como de dinastias. Uma referência utilíssima. Completa o livro uma extensa bibliografia.

Vale a pena!
comentários(0)comente



Antonio Cesar 09/04/2018

“... A sede de governo ali permaneceu durante meio século; mas, embora aliviada da pressão da populaça, caiu sob influencia dos chefes militares turcos, que passaram a dominar o Califado.”. ....”

5º período a partir da posição 838 no formato MOBI
Uma história dos povos árabes
(A history of the arab peoples)
Albert Hourani

A temática da obra abrange a história das regiões de língua árabe do mundo islâmico desde o inicio do Islã até os dias atuais. Nem sempre de compreensão fácil, principalmente para nós ocidentais não familiarizados com a história e cultura dos povos árabes, sua leitura é essencial para quem quiser entender melhor o mundo em que vivemos principalmente os conflitos relacionados ao oriente médio e ao islã.
comentários(0)comente



Celaro 19/11/2016

Extremamente detalhada história do islamismo
Um livro bem completo sobre a origem e história do islamismo no Oriente Médio, norte da África e regiões vizinhas. Vale a leitura para quem quer se aprofundar na saga dos seguidores de Maomé, hoje divididos em diversas ramificações e crenças.
comentários(0)comente



Rada 04/01/2010

Por uma historiografia árabe.
Em uma história dos povos árabes Albert Habib Hourani cria um dos melhores compêndios em 1 volume dedicado a historicizar o mundo islâmico em seus mais diversos aspectos político, econômico, cultural congregando uma erudição rara com um texto suave, solto e envolvente. Faremos aqui uma breve síntese dos temas abordados por Hourani.
Hourani divide sua obra em cinco partes (A criação de um mundo, sociedades muçulmanas árabes, a era otomana, a era dos impérios europeus e a era das nações-estado). Com isso, Hourani faz um apanhado geral dos povos que compõem a região conhecida como oriente médio, desde os tempos pré-islamicos até a era dos revivamentos islâmicos.
È apresentada na obra, um panorama dos três principais grupos étnicos que estiveram a frente do poder institucional no islam, são eles os árabes, os turcos e os persas. A cada um deles Hourani dispensa a devida importância e nos agracia com retratos precisos destas sociedades. Mais objetivamente o texto nos traz dois eixos de poder dos séculos VIII ao XIV e do XIV ao inicio do século XX, são eles os árabes e os turcos. Os árabes que se ramificarão em um sem-numero de dissidências e poderes locais, tão fragmentos e frágeis ao fim da idade média que serão facilmente assimilados pelos turcos, e sua frente expansionista que alcançaram os bálcãs, além de, partes da Moldavia, Ucrânia e atual sul da Rússia.
O autor também lembrasse da importância de citar como a ascensão das potencias européias a partir do século XIX vão reconfigurar as terras muçulmanas e introduziram um fenômeno novo até então, o chamado reformismo islâmico, como exemplos o jadidismo e o ahmedianismo. Paralelo a este processo de reforma haverá uma força oposta de resistência a tais ideais que surge em meados do século XVIII e perdura até os dias atuais, os movimentos de reavivamento islâmico.
Na ultima parte de seu livro o autor destaca a participação desses grupos de reavivamento islâmico, nas tensões ocorridas no oriente médio no século XX, citando grupos como a irmandade muçulmana e o movimento de independência Argelino comando por Abdel Kader. Desta forma fornece-nos subsídios para entendermos a história do islam desde os primórdios desta civilização até as atuais conjunturas geopolíticas.
Particularmente o leitor brasileiro carece de obras que exponham e problematizem as sociedades orientais, e aqui digo de forma geral, acredito que o livro do professor Hourani é uma obra de importância impar para os estudos orientalistas dada a sua profundidade, seriedade, erudição e principalmente a imparcialidade com a qual os temas são abordados ao longo da obra. Um cânone dos estudos orientalistas aqui no ocidente.
comentários(0)comente



Fhanton 24/08/2009

O Ocidente tem muitos preconceitos com os Árabes.Principalmente por falta de conhecimento de sua história e de sua cultura, tão rica quanto a de qualquer outro povo.Esse livro narra um pouco dessa história e cultura de forma interessante que prende nossa atenção até o fim. Algumas vezes agente se perde um pouco pra acompanhar e entender as descendências das tribos formadoras.
comentários(0)comente



J. Modesto 08/02/2009

Muito Bom! Uma das minhas principais fontes de pesquisa para a elaboração da história de uma de minhas obras (ANHANGÁ - A FÚRIA DO DEMÔNIO). Para quem quiser conhecer um pouco do povo árabe, este livro é leitura obrigatória. RECOMENDADÍSSIMO.
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7