O Pensamento de Kant

O Pensamento de Kant Georges Pascal


Compartilhe


O Pensamento de Kant





Como Sócrates, ou como Descartes, Kant quis saber o que dizia, e sob que condições tinha o direito de dizer. Nada mais alheio ao dogmatismo do que esse empenho de fundamentar o seu pensamento. Nada mais afim à crítica de Kant do que a ironia socrática ou a dúvida cartesiana. Como Sócrates ou como Descartes, Kant poderia ter adotado a divisa do filósofo chinês: "o que sabemos, saber que o sabemos; o que não sabemos, saber que não o sabemos". Tal seria, talvés a fórmula mais exata para definir a atitude racionalista. Pois a busca dos fundamentos e dos limites da razão não redunda em prejuízo da razão, mas sim em sua sustificação. É da natureza da razão o não fiar-se cegamente em si mesma. Com demasiada freqüência o espírito de sistema nos leva a ignorar o que não gostamos de ver, e a crer evidente ou demonstrado o que desejamos ver. O espírito crítito é a recusa dessa cegueira voluntária.

Filosofia

Edições (1)

ver mais
O Pensamento de Kant

Similares

(11) ver mais
Compreender Descartes
Compreender Nietzsche
Compreender Platão
Compreender Sócrates

Estatísticas

Desejam3
Trocam2
Avaliações 4.2 / 14
5
ranking 36
36%
4
ranking 50
50%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

58%

42%

landau81
cadastrou em:
13/10/2009 06:23:28
alexandrerogeri
editou em:
17/10/2015 12:16:34