O Rei da Vela

O Rei da Vela Oswald de Andrade


Compartilhe


O Rei da Vela





Escrita em 1933, publicada em 1937 e encenada pela primeira vez trinta anos mais tarde pelo Teatro Oficina, esta é a peça fundamental de Oswald de Andrade. Ao retratar um país mergulhado na crise financeira de 1929, às vésperas do Estado Novo, O rei da vela aponta a utopia de um projeto político que não viria a se concretizar. Oswald apresenta uma peça de teatro profundamente anarquista, que explora a força soberana do imperialismo americano em toda sua dimensão caricata e grotesca. No centro do palco está o escritório de agiotagem Abelardo & Abelardo, em um enredo que tem como pano de fundo a ambição tacanha e desenfreada de um país subdesenvolvido, as falcatruas, a decadência, o desprezo pela moralidade e o sexo estapafúrdio. O volume inclui textos inéditos de Décio de Almeida Prado e de Renato Borghi, além de um manifesto de 1967 de José Celso Martinez Corrêa, que assina também um pós-escrito para esta edição.

Ficção / Literatura Brasileira

Edições (5)

ver mais
O Rei da Vela
O Rei da Vela
O Rei da Vela
O Rei da Vela

Similares

(4) ver mais
Manifestos
Romanceiro da Inconfidência
Dom Casmurro
Infância

Resenhas para O Rei da Vela (11)

ver mais
on 31/8/11


Infelizmente, muito dessa crítica feita contra o imperilismo e capitalismo selvagem que abraçava o Brasil na década de 30 ainda é muito atual. Depois desse livro, talves agora entenda um pouco melhor a importância da literatura do Oswald para o Brasil.... leia mais

Estatísticas

Desejam37
Trocam24
Avaliações 3.5 / 629
5
ranking 22
22%
4
ranking 29
29%
3
ranking 32
32%
2
ranking 12
12%
1
ranking 5
5%

37%

63%