Que Ninguém Nos Ouça

Que Ninguém Nos Ouça Cris Guerra
Leila Ferreira


Compartilhe


Que Ninguém Nos Ouça


Terapia Virtual Entre Duas Mulheres




Doçura, inteligência, graça, suavidade lembra? Também imaginei que estivessem em extinção, mas descobri que seguem vivos nas páginas de "Que ninguém nos ouça". Não que seja uma literatura para mocinhas inocentes: o assunto muitas vezes é barra. Nem Leila, nem Cris saltaram de um conto de fadas. Porém, mesmo quando confidenciam a parte trash de suas trajetórias, a delicadeza continua mantendo o tom. Amargas? Nem que quisessem. Nem que tentassem. É o único talento que elas não têm.

Duas mulheres incomuns e com experiências singulares: só pelo voyeurismo consentido, já valeria dar uma espiada nessa troca de e-mails entre as duas. Porém, basta abrir a primeira página para perdermos a ilusão de que teremos algum controle sobre a leitura. É a Leila e a Cris que seguram o leitor nas mãos: fisgado e rendido, ele ficará preso até a última linha, quando então retornará à vida acreditando novamente na espécie humana.

Martha Medeiros

Crônicas

Edições (1)

ver mais
Que Ninguém Nos Ouça

Similares

(3) ver mais
Viver não dói
Viver não dói
A Grande Arte de Ser Feliz

Resenhas para Que Ninguém Nos Ouça (16)

ver mais
Ah Cris ... Ah Leila! Quanta leveza, simplicidade e amor em suas palavras! Que ninguém nos ouça traz uma troca de emails entre Cris e Leila, duas escritoras com o dom da delicadeza nas palavras. Cris e Leila falam sobre tudo, amor, filhos (ter ou não ter?), saudades, trabalho, a ditadura da beleza, etc. Tudo isso de uma maneira tão natural que você se transporta para dentro da história. Senti vontade de enviar um e-mail e entrar no bate-papo, mas acho que não iria rolar uma sintonia... leia mais

Estatísticas

Desejam65
Trocam1
Avaliações 4.2 / 141
5
ranking 49
49%
4
ranking 30
30%
3
ranking 16
16%
2
ranking 4
4%
1
ranking 1
1%

5%

95%

Mari!
cadastrou em:
12/03/2016 09:09:28
Pri Paiva
editou em:
07/04/2016 14:16:14
Pri Paiva
aprovou em:
07/04/2016 14:16:30