Rasero

Rasero Francisco Rebolledo


Compartilhe


Rasero


El Sueño de la Razón




Paris, Dezembro de 1749, Fausto H. Rasero vive entre mulheres e aventuras amorosas, mas Rasero procura na verdade o amor ideal. Embaixador da Coroa Espanhola na corte de Luis XV é um andaluz de estatura mediana, reservado, de traços agradáveis, nada bonito; mas exibe uma aura sedutora que o faz incrivelmente irresístivel. Esta figura bizarra circula entre amigos e desafetos tais como Diderot, Voltaire, Rousseau, Mozart; a Marquesa de Pompadour, Lavoisier, Goya, Danton, Robespierre... Um romance que resgata as maiores possibilidades da literatura; há de ser interpretado como uma mensagem do inconsciente da Humanidade na encarnação do espírito dos tempos passados, recriando com grande brilho o Século das Luzes, um dos mais fascinantes e voláteis períodos da História Universal.

=== «Rasero — El Sueño de la Razón» de Francisco Rebolledo. El protagonista de esta novela es Fausto Rasero, un ilustrado español que tras codearse con personajes famosos del "Siglo de las Luces", como Diderot, Voltaire o Robespierre, escribe un aplastante y contundente tratado moral al que titula Por qué os odio, donde critica con ferocidad los soberbios sueños de la razón y llega premonitoriamente a la teoría del eterno retorno. Al mismo tiempo la obra contiene una historia de amores que culmina en un gran amor.

Edições (1)

ver mais
Rasero

Similares

(61) ver mais
Jacques e seu amo
As Geórgicas
O Castelo Branco
Orlando

Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.3 / 6
5
ranking 50
50%
4
ranking 33
33%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

22%

78%

orffeus
cadastrou em:
16/10/2009 16:33:07