Redemoinho

Redemoinho Paulo Rodrigues


Compartilhe


Redemoinho





Composto por histórias nas quais o espaço narrativo é revestido por uma densidade claustrofóbica, os personagens sofrem o distanciamento dos canais de contato com o mundo: desejo e razão, paixões e determinantes sociais, o masculino e o feminino, enfim, são colocados em tensão.

Catedral, conto que abre o livro, evoca um amor proibido, mais do que a relação entre pai e filho adotivo, com implicações incestuosas, questões morais e religiosas. Em Alfredo aos dezessete, ou Maria Helena desabrocha, os sentimentos reprimidos explodem com violência.

Contos / Ficção / Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Redemoinho

Similares

(18) ver mais
Micróbios
O Homem com Asas
Vista do Rio
As vozes do sótão

Resenhas para Redemoinho (2)

ver mais
"É natural o fascínio pelo oposto"
on 1/5/20


Paulo Rodrigues produz um livro de contos que, em muitas partes, se ligam. Chega a ser uma história única de um homem só, se assim quisermos interpretar. Fala muito sobre as angústias, os sentimentos de não-pertencimento, as dificuldades, os traumas, os tabus e os próprios demônios. Não é um livro fácil de ler, pois o propósito dele não é delineado com todas as cores. Pede de nós uma composição conjunta, uma abertura sensível para as palavras e frases escolhidas a dedo. É esteticamente... leia mais

Estatísticas

Desejam11
Trocam5
Avaliações 3.5 / 51
5
ranking 24
24%
4
ranking 37
37%
3
ranking 24
24%
2
ranking 12
12%
1
ranking 4
4%

46%

54%

Rodrigo
cadastrou em:
15/11/2009 12:58:12
Jenifer
editou em:
12/08/2019 12:33:30