Retrato do artista quando velho

Retrato do artista quando velho Joseph Heller


Compartilhe


Retrato do artista quando velho





Último livro do escritor americano Joseph Heller (1923-1999), autor, entre outros, de Ardil 22, romance antibélico que serviu de manifesto para a juventude americana contra a guerra do Vietnã. Aqui ele compõe um relato aparentemente autobiográfico, sobre sua experiência como escritor e o esforço para finalizar um novo romance. A narrativa surge na voz de seu alter-ego Eugene Pota, escritor septuagenário em crise com a sua vida literária e amorosa.

Edições (1)

ver mais
Retrato do artista quando velho

Similares

(13) ver mais
Um retrato do artista quando jovem
Onze Ensaios
Confissões de Um Jovem Romancista
A Revolta da Cachaça

Resenhas para Retrato do artista quando velho (2)

ver mais
O tempo passa rápido...

Ah... A eterna e cíclica luta do artista em criar algo novo, descartar milhares de ideias, depois revirar a lixeira da mente em busca de algumas delas que foram jogadas fora sem querer e que ainda podem ser aproveitadas... Ou jogadas fora novamente. Um livro honesto, sem muitas reviravoltas, mas vale pela leitura e reflexão.... leia mais

Estatísticas

Desejam11
Trocam4
Avaliações 3.7 / 36
5
ranking 14
14%
4
ranking 53
53%
3
ranking 28
28%
2
ranking 6
6%
1
ranking 0
0%

50%

50%

Helena
cadastrou em:
11/03/2010 23:09:29