Verso Entre Virilhas

Verso Entre Virilhas Saulo Pessato


Compartilhe


Verso Entre Virilhas





Do 'Jardim das Borboletas' para o 'Verso entre Virilhas', Saulo Pessato retorna com sua força poética neste segundo livro, sob a luz de uma temática bem diferente de sua primeira obra: é a vez da poesia erótica. Demonstrando que sabe a que veio, o poeta transpassa para o papel a intensidade do desejo, ao mesmo tempo em que mantém seu estilo sublime de fazer poesia. Contendo desde poemas mais sutis e cheios de metáforas, até versos mais densos e intimistas, este é um livro para quem gosta de poesia, para quem gosta de sexo e, mais que isso, para quem gosta de tudo ao mesmo tempo. Nesta orquestra de sensações, toques e orgasmos, Pessato é o maestro e as palavras são corpos que dançam na melodia do prazer. Aqui, 'dois dedos de Sol, / um verso de lado e, / num susto, um sustenido / é dedilhado'. [...]" - Guilherme Aniceto.

Poemas, poesias

Edições (1)

ver mais
Verso Entre Virilhas

Similares


Resenhas para Verso Entre Virilhas (1)

ver mais
on 16/1/21


A coletânea de poesia erótica traz como grandes qualidades a ideia democrática de prazer, ou seja, algo que pertence tanto ao homem quanto à mulher. Essa, em específico, também não é vista de maneira misógina, um feito e tanto em se tratando do gênero. Além disso tudo, trata-se de uma poesia corajosa, pois aborda de forma franca a série de tabus existentes em nossa sociedade quando o assunto é sexo.... leia mais

Estatísticas

Desejam4
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.4 / 7
5
ranking 57
57%
4
ranking 29
29%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

17%

83%

Chris
cadastrou em:
10/05/2018 08:55:27
Chris
editou em:
10/05/2018 08:58:45