Serial Killers

Harold Schechter
4.80769 442



Serial Killers


Anatomia do Mal




Serial Killers - Entre na mente dos psicopatas. O dossiê definitivo sobre assassinos em série. O que faz gente aparentemente normal começar a matar e não parar mais? O que move – e o que pode deter – assassinos em série como Ed Gein, o psicopata americano que inspirou os mais célebres maníacos do cinema, como Norman Bates (Psicose, de Alfred Hitchcok), Leatherface (O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper) e Hannibal Lecter (O Silêncio dos Inocentes, de Jonathan Demme). Como explicar a compulsõo por matar e o prazer de causar dor, sem qualquer arrependimento? De onde vem tanta fúria?

As respostas estão no novo lançamento da editora DarkSide Books: Serial Killers – Anatomia do Mal, dossiê definitivo sobre o universo sombrio dos psicopatas mais perversos da história. Escrito por Harold Schechter – que pesquisa o tema há mais de três décadas e já publicou, inclusive, a biografia de Ed Gein, Deviant (1998) -, o livro é referência fundamental a todos os que se interessam pelo universo da investigação e da criminologia.

Pontuado por curiosidades macabras, dados científicos e fatos pouco conhecidos sobre a trajetória dos principais criminosos em série dos Estados Unidos, Serial Killer, Anatomia do Mal abrange desde a criação do termo serial killer no início do século 20 até o fascínio exercido por matadores seriais na cultura pop (cinema, música, literatura).

Com clareza, ritmo e muita informação, Harold Schechter traça perfis psicológicos impressionantes de criminosos que desafiaram a polícia, viraram notícia e continuam a nos assombrar nas telas da TV e do cinema.

Além de Ed Gein, a galeria de personagens sinistros inclui o cannibal Jeff Dahme, que chegou a matar e devorar uma pessoa por semana no verão de 1991; a ex-prostituta Aillen Wuornos (inspiração para o filme Monster), que, depois de confessar seis assassinatos, pediu para ser condenada à morte para interromper a matança; o assassino Zodíaco (cuja verdadeira identidade é desconhecida até hoje); Charles Manson, o lunático que comandou o assassinato da atriz Sharon Tate em um ritual macabro; e Green River Killer, principal assassino de prostitutas da história, só capturado pela polícia com a ajuda de outro serial killer.

Em Serial Killers, Anatomia do Mal você vai descobrir como eles matam e por que eles matam. Por prazer, dor, amor ou desespero. Por conta de famílias desfuncionais e infâncias perturbadoras. Em nome do demônio ou para o jantar…

Histórias reais, assassinos reais, de uma maneira que você nunca viu, estudados com profundidade, rigor científico e conhecimento psicológico. Um livro que vai atrair a atenção dos fãs das séries CSI, Dexter, Criminal Minds e do Canal Discovery Investigation e de todos aqueles que que querem entender o que se passa na mente dos assassinos mais temidos e cruéis de todos os tempos.


Crime

Edições (1)

ver mais
Serial Killers

Similares

(2) ver mais
Serial Killer
Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel? & Made in Brazil

Resenhas para Serial Killers (15)

ver mais


"A alma humana é uma floresta escura." Conheci esse livro no Facebook, não sei se pela página da própria editora, até então desconhecida por mim, ou pela do Skoob. De todo jeito, como estava numa fase Hannibal, me interessei na hora. E fiquei mais interessada ainda depois de saber que o livro era capa-dura e tinha todo um trabalho de arte mais trabalhado. A minha edição, infelizmente, é a simples: sem as luvas, o saco para evidências e a fita amarela para delimitar cena do crime. O ...
publicidade

Vídeos Serial Killers (2)

ver mais

OPINIÃO | Serial Killers: Anatomia do Mal - Harold

Resenha: "Serial Killers, Anatomia do Mal", de Har


Estatísticas para Serial Killers

Desejam1.068
Trocam3
Avaliações 4.6 / 437
5
ranking 71
71%
4
ranking 21
21%
3
ranking 7
7%
2
ranking 1
1%
1
ranking 0
0%

22%

78%

Afonso
cadastrou em:
12/05/2013 14:20:49
João Paulo
editou em:
16/02/2015 18:29:01


logo skoob
"o Skoob oferece um espaço com comentários e críticas que lhe servirá de amparo antes de qualquer leitura."

Outro Lado