Faça seu login para ter acesso a todo conteúdo, participe também do sorteio de cortesias diárias. É rápido e gratuito! :) Entrar
Login
Livros | Autores | Editoras | Grupos | Trocas | Cortesias

Dezessete Luas

Beautiful Creatures #2

Kami Garcia, Margaret Stohl
Resenhas
Recentes
83 encontrados | exibindo 41 a 46
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17


Samira Chasez 19/03/2013

Dezessete Luas
Bem, posso dizer que em seguida que terminei de ler Dezesseis Luas não fiquei "doida" para dar inicio a esse livro, mas tenho que confessar que fiquei interessada em ver o que seria abordado em Dezessete Luas, pois, no meu pensando não via motivo para ter uma sequencia.

Basicamente, o foco desse livro é traição, pois, ambos pensam que o outro está traindo com um semelhante. Porque o amor deles é muito complicado e pensam que se apaixonassem ou gostassem de pessoas parecidas pudesse ser mais fácil. Mas, no amor não tem essa de "fácil" e sim sentido e por mais que tentemos fugir dos nossos sentimentos não conseguimos porque não é possível deixar de amar uma pessoa do dia para a noite.

Como foi falado antes novos personagens surgem para apimentar mais a trama, mas mesmo assim a série continua sendo monótona e muito aborrecida o que torna a leitura desse livro muito lenta. Enquanto estava lendo ele descobri que ia ter outro livro para a série e fiquei pensando até quando vão insistir mais nessa série, pois, a cada livro o enredo vai se perdendo.

Nesse livro me identifiquei muito com os personagens coadjuvantes que são o Link e a Ridley, pois, entre alfinetas mostram que há mais amor entre eles do que entre a Lena e o idiota e pamonha do mocinho que atura qualquer besteira que a Lena faz por amor a ela. Eu desde do livro anterior amei o personagem do Link, pois, ele me faz rir muito quando estou lendo algum dialogo dele e acredito que ele tem crescido muito na trama. E posso também dizer que em parte terminei esse livro para saber mais sobre como ele ia acabar e no fim acabei ficando muito curiosa em relação ao Dezoito Luas por causa dele também, mas não tenho nenhuma pressa de ler .

Você que futuramente vai ler esse livro terá muitas surpresas em relação a trama. E na luta o bem contra o mal ainda continua tudo empatado, pois, novamente a Lena ficou em cima do Muro, pensando bem ela nisso é até parecida com a Nathalia do BBB 13.


Bjinhos!!!!
Samira Chasez
comentários(0)comente



Michelle Maytre 11/03/2013

Vale a pena
Li 16 Luas rapidinho e com esse não foi diferente.
Fiquei com medo do livro ficar besta, perder o sentido; mas foi o contrário. Cada capítulo foi bem escrito.

Já falei outras vezes que adoro aventura e esse livro tem de sobra. Reviravoltas? Aos montes. Personagens que amamos? Muitos. Ou que odiamos? Também.

E o que é melhor, não tem aquele típico romance babaca que fazem as meninas suspirarem, estilo sacarose pura. Tem romance sim, afinal Ethan move mundos e fundos (literalemnte, rsrsrs) para ir salvar Lena (seu grande amor). Mas não fica só nisso, ele se descobre e descobre mais sobre sua própria história enquanto percebe que a verdade é apenas uma vertente das coisas ao seu redor.

No final do outro livro, Lena acha que matou tio M e fica deprimida por causa disso. Não se invocou e nem quer, se não terá que decidir se vai para a Luz ou para as Trevas.

Assim, nesse livro, ela se afasta de Ethan e passa a sair com um tal de John Breed e sua Harley. Ethan fica com ciúme e não aceita, mas quando ela pede para ele ir embora, ele vai. Embora isso não queira dizer que ele não estará zelando por ela.

Ethan conta com o apoio de Link, seu melhor amigo e Liv, uma guardiã em treinamento, para juntos desvendar o submundo dos túneis conjuradores (sinistro, diga-se de passagem), tentar encontrar e salvar Lena, além de lutarem com algo mais poderoso e antigos que eles. Como falei: aventuras mil.

:D Gostei e recomendo. Leitura fácil, reviravoltas, aventura, romance. tudo que prende a atenção.

comentários(0)comente



Jess 09/03/2013

Kami Garcia, Margaret Stohl - Beautiful Creatures
Blog: http://worldbehindmywall.fanzoom.net
Blog: http://twilightbrasilfanfics.com/blog/

Se me pedissem para definir um novo título para este volume eu o chamaria de: Deprimente. Triste é uma palavra muito simples para o tamanho de toda a confusão e mal entendido que ronda os personagens principais. Antes mesmo de começar a ler soube de alguns acontecimentos que me fizeram repensar sobre se eu queria continuar este volume ou pularia para o outro, porém se eu o fizesse não entenderia nada no livro seguinte. Enfim, tive que seguir em frente, porém me vi várias vezes querendo parar de ler. Minha vontade de continuar foi totalmente sugada pela angustia que senti durante todo este volume, por várias vezes quase me perdi na vontade de simplesmente o deixar de lado. Senti-me como se eu estivesse relendo Lua Nova da série Twiligh, era como ver novamente Edward deixando Bella. Eu simplesmente odeio o segundo livro da saga de Twilight e agora odeio o de Beautiful Creatures. As autoras ainda continuam escrevendo divinamente bem, você ainda pode adentrar o enredo com perfeição e isto é o pior de tudo pois seus próprios sentimentos se fundem com os do personagem e quando você me espera é você que está sofrendo. Pelo menos comigo foi assim.
Após a perda de seu querido tio Maicon, Lena começa a mudar drasticamente, ela se afasta de todos se isolando em um mundo só seu de dor e punição, além disto seus poderes aumentam terrivelmente, assim como a eletricidade que é descarregada em Ethan toda vez que ele a toca ( este é o aviso de que um mortal e um conjurador não poderia ficar juntos fisicamente). Cada dia mais o relacionamento de Etha e Lena despenca, cada dia mais a ligação deles é cortada pelo distanciamento da garota e cada vez mais Ethan tentava se enganar dizendo a si mesmo que uma hora ela ficaria bem, porém no momento em que sua Lena foge na garupa da moto de John Breed um misterioso demônio ao qual tem um elevado poder de três raças diferente, o garoto ver que Lena realmente não estava bem. Apartir daí Ethan precisa encontrar sua amada e fazê-la enxergar o que está fazendo consigo mesma, precisa salvá-la antes que ela escola o lado das Trevas. Entre combates contra seres das Trevas e o desespero em reencontrar Lena, Ethan descobre mais sobre si mesmo, além de uma nova pessoa entrar em sua vida fazendo-o ver uma nova perspectiva sobre como sua vida seria namorando uma mortal.
Em Dezessete Luas Ethan luta com unhas e dentes para salvar sua Lena da escuridão a qual ela caiu, porém o que se pode fazer quando nem a própria que ser salva?
Tenho certeza que todos que já leram este livro sentiram a mesma raiva devastadora que eu senti por Lena, por vezes a xinguei e quase joguei meu exemplar contra a parede tentando descontar um pouco da minha raiva, até mesmo as autoras não fugiram de minha fúria, porém o final que elas dera fizeram com que eu as perdoasse e me fez ficar extremamente alegre.
comentários(0)comente



Daniele 01/03/2013

Dezessete Luas - Kami Garcia, Margaret Stohl
Devo confessar que no começo do livro quase desisti de continuar a leitura, mas que em certa parte agradeci muito por ter continuado, pois vale muito a pena!

Após a morte de seu tio Macon, Lena não é mais a mesma. Ela se culpa pelo ocorrido de modo a não conseguir mais conviver perto de Ethan.

Lena volta a andar com Riley e com um novo amigo chamado Jhon, um Imcubus um tanto diferente. Em busca de serem aceitos, ambos procuram uma terra desconhecida que não passa de um mito.

Ethan disposto a não desistir de Lena, procura ajuda em Marian, seu amigo Link e a Liv, uma aprendiz de guardiã. Determinado, Ethan se aventura pelos túneis conjuradores confiando em si mesmo para encontrar Lena onde for e acaba descobrindo onde ela realmente está indo.

Ao decorrer da história mais sobre o mundo conjurador é revelado, assim como o passado que envolve suas famílias.

No fim Lena finalmente é invocada, descobrindo assim ao qual lado escolheu.
comentários(0)comente



Luke 27/02/2013

"Dezessete Luas" #2
*Sinopse: Juntos, Ethan e Lena podem enfrentar qualquer ataque de Gatlin. Ao menos era assim que funcionava antes de Lena sofrer uma perda trágica e começar a se afastar e gaurdar segredos que estão testando o relacionamento. E agora que Ethan abriu os olhos para o lado negro de Gatlin, não há como voltar atrás. Assombrado por estranhas visões que somente ele consegue ver, Ethan vai sendo puxado cada vez mais para dentro da história confusa de sua cidade.

*Eu e o Livro: A série “Beautiful Creatures” conheci desde da época do orkut quando tinha comunidades para os livros. “Dezesseis Luas” era um deles que me interessou e quando soube do seu lançamento no Brasil fiquei super ansioso, mas como leitor que vai com muita sede ao pote, me decepcionei com o livro. Decidi ler “Dezessete Luas” pelo livro estar lançando e por curiosidade dar aquela segunda chance para o segundo livro, já que o primeiro foi muito fraco.

*O Livro de um ao Todo: Após enfrentarem grandes aventuras, desastres e perdas, Lena foi invocada, prestes a descobrir em qual lado permanecerá. Luz ou Trevas.

O Décimo Sétimo ano de Lena está se aproximando e as cosias não parecem tão normais quanto antes. Após a perda do seu Tio Macon, Lena tem começado a agir de modo estranho, um tanto quanto atípico. Seu modo de vestir e de agir mostram sua grande depressão pela perda.

Ethan o protagonista continua o menino chato, depressivo e com uma baixa auto estima. Uma boa parte da história não parecia ser ele o principal ali, por causa de atitudes desnessárias, pensamentos evazivos e personagens muito mais bem elaborados do que ele mesmo.

Link já pelo ao contrário tomou a cena do livro. O seu jeito brincalhão e estabanado deu a parecer ele ser o principal do livro. Uma grande parte da trama ele ocupou longas páginas destacando com sua espontaneidade.

Como Lena está mudada e algo está atraindo para se afastar de tudo e de todos, Ethan tem um longo caminho para fazer a cabeça da menina a voltar ao relacionamento como quando eles se conheceram. Lena conhece John, um bad boy um tanto quanto misterioso por ser um Incubus diferenciado por poder andar a plena luz do dia. Junto com John, Ridley volta a cidade de Gatlin e fazem a mente de Lena a saírem da cidade e irem em busca ela ser ela mesma.

Com a ida de Lena, Ethan o depressivo e chato, Link e Liv uma assistente da bibliotecária Marian vão em busca de tentar resgatar Lena, pois ela corre grande perigo.

O livro até a metade é uma leitura torturante, mas da metade até o final a engrenagem começou a acelerar por conta de várias surpresas que aparecem durante os capítulos. Cada personagem citado tem sua peculiaridade de informação, juntos geram uma grande teia com respostas onde Ethan poderá seguir para salvar Lena de mãos não tão boas assim.

*Ler ou não ler, eis a questão: Para aqueles que gostam da série fique à vontade, vocês vão se deliciar com o livro ao todo. Mas se você não gostou do primeiro livro e quer dá uma chance para o segundo, vocês terão uma pequena dificuldade de interagir com o livro, pois há detalhes desnecessários e que deixa nossa cabeça confusa, mas há um momento que sua curiosidade ficará tão atenta por saber o que vai acontecer que a leitura se tornará fácil, gostosa e muito surpreendente.

“- Vamos, L.- Puxei Lena pelo braço- Estou cansado do escuro. Vamos ver o sol nascer.”

*Extras: O primeiro livro da série “Dezesseis Luas” será adaptado e seu lançamento será dia 01 de Março. Então é uma boa oportunidade de quem já leu conferir se o filme faz juz ao livro.

*Avaliação: 3 Estrelas ***
comentários(0)comente



83 encontrados | exibindo 41 a 46
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17



Publicidade


logo skoob beta
"Rede Social Brasileira conquista os internautas"

30 Giga