A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata

A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata Mary Ann Shaffer...




A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata





O título conta a história de Juliet Ashton, uma escritora em busca de um tema para seu próximo livro. Ela acaba encontrando-o na carta de um desconhecido de Guernsey, Dawsey Adams, que entra em contato com a jornalista para fazer uma consulta bibliográfica. Começa aí uma intensa troca de cartas a partir da qual é possível identificar o gosto literário de cada um e o impacto transformador que a guerra teve na vida de todos. As correspondências despertam o interesse de Juliet sobre a distante localidade e narram o envolvimento dos moradores no clube de leituras – a Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata –, além de servirem de ponto de partida para o próximo livro da escritora britânica.



O clube, criado antes de existir de fato, foi formado de improviso, como um álibi para proteger seus membros dos alemães. O que nenhum dos integrantes da Sociedade imaginava era que os encontros pudessem aproximar os vizinhos, trazer consolo e esperança e, principalmente, auxiliar a manter, na medida do possível, a mente sã. As reflexões e as discussões a respeito das obras os livraram dos pensamentos sobre as dificuldades que enfrentavam e ainda serviram para aproximar pessoas de classes e interesses tão díspares, de pescador a frenólogo, de dona de casa a enfermeira.



Instigada pela força dos depoimentos, a jornalista decide visitar Guernsey, onde a convivência com as pessoas que conheceu por cartas e a descoberta sobre as experiências dos ilhéus lhe dão uma nova perspectiva. A viagem proporciona à escritora mais do que material para seu livro. Guernsey oferece a chance de recomeçar após a Guerra, fazer amizades sinceras e encontrar o amor – em suas diversas formas. O que ela encontra por lá, e as relações que trava, mudam sua vida para sempre.



A autora Mary Ann Shaffer não sobreviveu para assistir ao sucesso da sua estreia literária – ela morreu em fevereiro de 2008, aos 73 anos. A sociedade literária e a torta de casca de batata recupera um mundo que se perdeu entre os escombros da guerra, feito de camaradagem e solidariedade, delicadeza e simpatia. Nele, a guerra – e a morte – é vencida por um batalhão de personagens igualmente sensíveis e sedutores, que conduzem os leitores pelas mãos, através de um narrativa, humana e marcadamente feminina, até o fim.


Edições (2)

ver mais
A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata
le cercle littéraire des amateurs d´épluchures de patates

Similares

(5) ver mais
A Sociedade Literária da Tarte de Casca de Batata
84 Charing Cross Road
A bibliofilia no cinema
A Livraria Mágica de Paris

Resenhas para A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata (56)

ver mais
Encantador
on 1/1/10


Um livro doce, como eu há muito tempo não tenho o prazer de ler. Um livro contado através de cartas, e eu amo cartas. Elas contam tantas histórias, e acredito que elas aproximam muito as pessoas. E quem não gostaria de ler as cartas que os outros recebem? Um livro com amizades tão bonitas, que talvez você fique até triste por perceber que nunca teve uma amizade assim. Amizades nascidas em uma sociedade literária (que tem um nome esquisito mesmo, mas pode apostar que você vai querer sa... leia mais

Estatísticas

Desejam175
Trocam1
Avaliações 4.4 / 424
5
ranking 62
62%
4
ranking 24
24%
3
ranking 12
12%
2
ranking 2
2%
1
ranking 0
0%

9%

91%

Lia
cadastrou em:
19/04/2009 16:15:50