php_network_getaddresses: getaddrinfo failed: Temporary failure in name resolution Ayn Rand e os devaneios do coletivismo (Breves Lições) - Dennys Garcia Xavier
Ayn Rand e os devaneios do coletivismo

Ayn Rand e os devaneios do coletivismo Dennys Garcia Xavier


Compartilhe


Ayn Rand e os devaneios do coletivismo (Breves Lições)





A Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos fez uma pesquisa para saber qual livro teria influenciado mais a vida das pessoas. O resultado deixa evidente a importância de nossa autora: a Revolta de Atlas, de Ayn Rand, ficou em segundo lugar, perdendo o primeiro posto somente para a Bíblia. Mas, Rand não é apenas um fenômeno editorial, com milhões de livros vendidos todos os anos mundo afora. Trata-se de uma filósofa que ultrapassou as barreiras de uma elitizada cultura intelectual e fez questão de falar a todos, bem ao gosto dos filósofos gregos que estavam pelas praças públicas a discutir, a dialogar. Rand e a sua doutrina objetivista estão no cinema, na música, no teatro, nos programas de TV, nos quadrinhos e até nos jogos eletrônicos. Estranho, portanto, pensar que a filosofia randiana seja praticamente ignorada no Brasil. Talvez a nossa longa tradição estatizante e nosso apego tradicional ao altruísmo explique, mesmo que em parte, tal fenômeno. Rand não é apenas importante para que tenhamos uma nova visão de mundo e de indivíduo. Em terras brasileiras, a sua vida e o seu pensamento são verdadeiramente fundamentais.

Filosofia / Política

Edições (1)

ver mais
Ayn Rand e os devaneios do coletivismo

Similares

(15) ver mais
Cântico
Objetivismo
A Virtude do Egoísmo
A Revolta de Atlas

Resenhas para Ayn Rand e os devaneios do coletivismo (15)

ver mais
Objetivismo, egoísmo virtuoso, racionalismo e individualismo
on 12/9/20


As pautas da Ayn são claras e sem poréns, porque é isso que ela diz acreditar - o objetivismo. Uma mulher que nasceu na Russia, viveu e sofreu com sua família a espoliação material, moral e cultural do movimento comunista. Deu seu jeito de se mudar para o país da Liberdade e, de figurante, virou roteirista, romancista e filósofa. Uma vida marcante (so seus relacionamentos amorosos já daria uma novela) e que escreveu o segundo livro mais influente dos EUA - A Revolta de Atlas - atrás ... leia mais

Estatísticas

Desejam60
Trocam1
Avaliações 4.4 / 125
5
ranking 62
62%
4
ranking 26
26%
3
ranking 12
12%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

19%

81%

Marcelo Catanho
cadastrou em:
18/04/2019 12:56:52
Alberto
editou em:
24/10/2020 02:20:09