De cócoras

De cócoras Silviano Santiago


Compartilhe


De cócoras





Em De cócoras, Silviano Santiago cria o mundo opressivo de um personagem sem perspectivas, cuja memória não é senão um peso de uma existência sem grandes paixões (?) uma vida mínima, no limite do ocaso. Viúvo recente, o personagem mora sozinho em um casarão de Laranjeiras. Pouca coisa lhe resta. Depois da morte da mulher, com quem viveu uma relação marcada pela insipidez, ele passa os dias à espera do fim iminente. O irmão inconveniente, que com ele quer dividir a solidão de viúvo, um cachorro em que enxerga afinidades, esse homem nada deseja além de se livrar de seus fantasmas. Em De cócoras Silviano Santiago cria um universo de dor e alienação ao abordar o desamparo que se encontra no íntimo de cada um.

Edições (1)

ver mais
De cócoras

Similares

(1) ver mais
Ensaios Antológicos de Silviano Santiago

Estatísticas

Desejam3
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.4 / 5
5
ranking 40
40%
4
ranking 0
0%
3
ranking 40
40%
2
ranking 0
0%
1
ranking 20
20%

63%

37%

Gilberto
cadastrou em:
17/01/2010 15:55:06