Pai, Pai

Pai, Pai João Silvério Trevisan


Compartilhe


Pai, Pai





João nasceu em Ribeirão Bonito, interior de São Paulo, filho mais velho de uma família de classe média baixa. Desde o início, acompanha a forma rude como o pai José trata sua mãe, de origem mais humilde. É vítima, ainda criança, da violência de José, que não aceita sua natureza de “menino maricas”. Antes de completar 10 anos, João entra num seminário, para escapar do ambiente de casa. “Eu iniciava meu processo de ser outro, um homem, sem deixar de ser o mesmo filho de José, o cachaceiro.” Depois de abandonar o seminário, ele busca sua liberdade, e deixa o Brasil da ditadura para conhecer o mundo. Atravessa graves momentos políticos na América Latina e vivencia a contracultura nos Estados Unidos. Mergulha na escrita e nas artes. Mas a sombra do pai continuará sempre consigo.

LGBT / GLS / Literatura Brasileira / Romance

Edições (1)

ver mais
Pai, Pai

Similares

(7) ver mais
Na ânsia do abrigo
Devassos no paraíso
Devassos no paraíso
Em nome do desejo

Resenhas para Pai, Pai (16)

ver mais
on 25/9/18


João Silvério Trevisan merece muito mais leitores do que aqueles que nosso Brasil machista-homofóbico conseguiu lhe dar. Reiteradamente preterido por editores que se recusam a publicar ou reeditar seus livros, muitos deles esgotados, trata-se de um escritor de incrível erudição e nenhum pedantismo, cuja escrita, enamorada da linguagem em toda sua potencialidade expressiva, nos deixa às vezes sem fôlego, completamente surpreendidos pela facilidade com que transita entre traumas, sonhos,... leia mais

Estatísticas

Desejam102
Trocam1
Avaliações 4.3 / 114
5
ranking 51
51%
4
ranking 34
34%
3
ranking 15
15%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

57%

43%

Pedro
cadastrou em:
12/08/2017 13:40:09
Silvio
editou em:
23/12/2019 16:25:30