O Imortal

O Imortal Machado de Assis




Resenhas - O Imortal


14 encontrados | exibindo 1 a 14


Vee 01/01/2021

O imortal
Que conto gostoso de se ler, com uma pegada de ficção científica com um pouco de conto folclórico, uma mistura que Machado fez com maestria, pra ler numa tardezinha curto e empolgante
comentários(0)comente



@carlatunes 31/12/2020

Versátil
A versatilidade de Machado é interessantíssima. Usando sempre do suspense em seus contos que obriga a gente a ler até o final pra saber o desfecho das coisas....
comentários(0)comente



Jessica Dias 29/12/2020

O Imortal
Incrível como Machado de Assis conquista o leitor logo na primeira frase e aqui ele não fez diferente: "Meu pai nasceu em 1600... Perdão, em 1800, naturalmente...". Um conto muito interessante. Recomendo!
comentários(0)comente



Airton 22/09/2020

Conto muito profundo
Li Machado de Assis pro colégio. Não lembro qual, mas ao comprar O alienista e ler outras obras passei a admirar profundamente o melhor escritor brasileiro de todos os tempos. O conto fala sobre vida eterna e o jeito peculiar de contar a história passando por diversos países e momentos me fez admirar sua obra cada vez mais.
comentários(0)comente



Marcelha 22/09/2020

A leitura de Machado de Assis é sempre deliciosa. Um conto curto e fluido.
Conta a história do pai do Dr. Leão, narrada por este, um ex frade franciscano que larga a batina e inicia sua aventura no nordeste brasileiro ao casar-se com uma índia e ser presenteado por um elixir que seu sogro acredita promover a imortalidade.
Excelente reflexão sobre os desejos da imortalidade. Me fez pensar em toda a tecnologia empregada nessa questão, avanços da medicina etc. Também gostei das referências históricas. Vale a pena.
comentários(0)comente



palmares 05/09/2020

Envolvente...
Uma escrita por demais de envolvente, mesmo sendo um conto, não consegui largar até terminar. Traz uma relevante reflexão sobre a morte e a vida, sob uma perspectiva bastante empolgante.
sabren 05/09/2020minha estante
esse conto é incrível ?




spoiler visualizar
comentários(0)comente



Mp28Rangel 09/08/2020

Um bom conto!
Particularmente, gostei de praticamente todas as leituras que já fiz de Machado de Assis. Este é um deles. Um conto interessante, com uma pegada de ficção científica. É uma boa leitura para um fim de semana. :)
comentários(0)comente



Charles 26/06/2020

Como seria a imortalidade
É um conto muito rápido e com poucos detalhes, mas que me fez ter uma reflexão legal sobre como seriamos e o que passaríamos experimentando a imortalidade, onde todos os outros são mortais.
comentários(0)comente



Cris 25/06/2020

Muito interessante
“A ciência de um século não sabia tudo; outro século vem e passa adiante. Quem sabe, dizia ele consigo, se os homens não descobrirão um dia a imortalidade, e se o elixir científico não será esta mesma droga selvática? O primeiro que curou a febre maligna fez um prodígio. Tudo é incrível antes de divulgado.”

Toda vez que eu leio algo de Machado de Assis, eu me pergunto por que demoro tanto pra escolher ler um livro dele entre minhas leituras.

Neste conto temos o Dr. Leão, um médico homeopata que é o narrador desta história. Ele conta a dois amigos a história impressionante de seu pai, que, de acordo com ele, viveu mais de 250 anos.

O pai de Leão recebeu um elixir de um chefe de tribo indígena, que prometia dar a vida eterna a quem o bebesse. Este homem guarda o líquido até que um dia, quando ele fica gravemente doente, surge a oportunidade de beber.

A partir daí, ele é curado e passa a viver seus dias sendo idoso mas com a aparência de jovem.

Este conto é bem curtinho, possui uma narrativa envolvente, com um toque de realismo e sarcasmo que só Machado sabia usar. Eu adorei a história, fiquei presa até o fim pra saber o que aconteceria.

Apesar do toque de fantasia da história, o conto nos traz uma reflexão sobre vida e morte e também sobre outros assuntos que me deixou bem imersa no livro, mas teve um final que eu tive que parar um pouco pra absorver.

Os livros do Machado já estão todos em Domínio Público e são bem fáceis de se achar online, mas existem várias publicações físicas com compilado de sua obra.
Eu ainda quero ler toda a obra do autor pela ordem cronológica, porque as histórias dele são boas demais.

“Outros atribuíram-lhe o intuito de tirar ao coronel e ao tabelião o desgosto manifestado por ambos de não poderem viver eternamente, mostrando-lhes que a morte é, enfim um benefício.”


site: http://instagram.com/li_numlivro
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Ro 09/02/2020

Ele não morre no final?
Adorei a experiência de ler este conto. Parece aqueles "causos" que contam para a gente nas viagens à roça. Um tanto folclórico e/ou mitológico, podemos vislumbrar um pouco da recepção das outras personagens frente ao que a personagem-narrador está a contar. A leitura, aqui, é também um exercício de escrita e de apresentação de emoções.
comentários(0)comente



Thiers 03/04/2015

Um belo conto.
Um belo conto onde o Dr. Leão conta para o coronel e o tabelião como seu pai se tornou imortal.
comentários(0)comente



14 encontrados | exibindo 1 a 14