Mãe

Mãe Maksim Górki


Compartilhe


Mãe





«A Mãe» é uma história revolucionária em todos os sentidos. Talvez nunca o espírito revolucionário tenha sido expresso de uma forma tão pungente, sincera e romântica.
Escrito e publicado em 1907, este romance descreve em pormenor a desgraça, a tristeza e a miséria em que vivia o povo russo no tempo do czar Nicolau II. É entre essa miséria que emerge um grito lancinante de revolta, o grito profundo das almas feridas que arrancará a esperança das profundezas da injustiça.

Romance

Edições (13)

ver mais
A mãe
A Mãe
A Mãe
A Mãe

Similares

(2) ver mais
Obras de Máximo Gorki - Volume 4
Psicologia, educação e desenvolvimento

Resenhas para Mãe (12)

ver mais
on 17/11/09


Pelageya é uma mulher simples, ingênua e de origem humilde, através de seu filho revolucionário ela toma conhecimento de questões sociais e políticas do meio em que vivem, aderindo ao movimento, esta mulher sensível e inteligente, até então submissa e ingênua, aos poucos vai despertando (acordando) para a sua dura realidade, numa sociedade machista e autocrata. Traz a tona questionamentos sobre a vida, especialmente a vida das mulheres em geral, bem como de toda a sociedade, dos trabal... leia mais

Estatísticas

Desejam122
Trocam3
Avaliações 4.2 / 428
5
ranking 50
50%
4
ranking 31
31%
3
ranking 15
15%
2
ranking 2
2%
1
ranking 1
1%

39%

61%

HenriqueM.Castro
cadastrou em:
19/07/2017 15:26:11